Curso Online de CURSO PROFISSIONALIZANTE DE PEDREIRO
4 estrelas 4 alunos avaliaram

Curso Online de CURSO PROFISSIONALIZANTE DE PEDREIRO

Curso ilustrado e passo a passo, de fácil assimilação. Com uma abordagem simples. Excelente para que tem e para quem não tem muita noção ...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 20 horas

Por: R$ 50,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Curso ilustrado e passo a passo, de fácil assimilação.
Com uma abordagem simples. Excelente para que tem e para quem não tem muita noção sobre o assunto. Curso Legalizado, conforme artigo 205 e 206 da Constituição Federal, Lei nº 9.394, Decreto Presidencial nº 5.154 e normas da Resolução CNE nº 04/99 - MEC

Professor:Wisnael de Souza ,Teólogo,Músico,Analista de Sistemas . FORMAÇÃO: Graduação em Análise de Sistemas (UNITINS),Filosofia e Sociologia(FVG),Bacharelado em Teologia (FACETEN),Bacharelado Psicologia Pastoral (ITG),Mestrado em Teologia (ESUTES)


- João Batista Lima

- Aparecido Pereira Dos Santos

- Leomar Da Silva Piexak

- Marco Antonio Carreiro De Carvalho

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • CURSO DE PEDREIRO

  • CONCEITOS BÁSICOS

    CONCEITOS BÁSICOS

    Pedreiro é o profissional que constrói ou reveste muros, paredes, escadas, vigas, lajes, tetos, telhados, chaminés, etc., em edifícios, infraestruturas de saneamento e outras obras de construção geralmente orientado pelo engenheiro ou Mestre de obras, utilizando materiais tais como a rocha ou pedra, o tijolo, a telha, o mosaico e o azulejo, o adobe, o cimento, a argamassa, a cal, o gesso como ferramentas o escopro (ou cinzel) e o martelo, a picareta, acolher de pedreiro, a trolha, as réguas e esquadros, o compasso, o fio de prumo (ou prumo) e o nível de bolha (ou nível), entre outras.

  • Introdução

    Introdução

    O pedreiro é o profissional da obra que atua na construção das etapas de fundação, paredes e acabamento. Ele deve ter conhecimento sobre o emprego de materiais, sobre ferramentas e equipamentos, sobre as técnicas utilizadas na construção, entre outros.
    Deve saber construir vigas e pilares, levante de parede, revestimento de piso e paredes, etc. e como funciona um canteiro de obras e suas instalações.
    Ter noções sobre instalações de água, esgoto e instalações elétricas, saber ler e interpretar projetos e ter conhecimento sobre cálculos de
    área e volume são conhecimentos essenciais que completa a formação do pedreiro.

  • Noções Básicas

    Noções Básicas

    Nivelamento
    Operação que consiste em transportar uma referência de nível marcada em uma determinada altura para outro local, estabelecendo assim um plano horizontal. Numa obra a referência de nível (marca) é estabelecida a 1,0 metro do nível do piso e transportada para as paredes dos outros cômodos.
    É através do nivelamento que marcamos as alturas da alvenaria, dos vãos de janelas e portas, do pé direito das alturas do piso e contrapiso na pavimentação.
    A ferramenta utilizada para realizar o nivelamento é a mangueira de nivele no caso de vãos pequenos o nível de madeira.

  • Alinhamento

    Alinhamento

    Operação que consiste em posicionar numa mesma direção, através de uma linha, os elementos de uma construção. Para se utilizar a técnica do alinhamento é necessário que esteja estabelecido o ponto inicial e final do mesmo e a partir daí fixar uma linha (linha de pedreiro) entre estes ponto.
    Numa obra utilizamos este procedimento no levante de parede construindo as fiadas de blocos cerâmicos, no assentamento das mestras intermediárias dos revestimentos de parede e piso, etc..

  • Esquadro

    Esquadro

    Operação que consiste em marcar os vãos de uma obra a um ângulo de 90° (noventa graus). É utilizado no locação da obra, na marcação das alvenarias e nos
    revestimentos de paredes, etc. A ferramenta empregada nesta operação é o esquadro, porém limita-se aos vãos pequenos. No caso das locações da obra utilizamos a relação do triângulo retângulo que são medidas marcadas em alinhamento nas proporções de 3:4:5.

  • Prumada

    Prumada

    Operação que consiste em posicionar numa direção vertical os elementos de uma construção. É utilizada na construção da fiada de blocos levante de parede aprumando os blocos iniciais e finais de cada fiada, na marcação das mestras superiores do reboco de uma parede, na obtenção de eixos de elementos estruturais de uma fundação, etc. As ferramentas utilizadas para
    obter a prumada são: prumo de face e o prumo de centro.

  • Unidades de Medida

    Unidades de Medida

  • Cálculo da Área:

    Cálculo da Área:

    O cálculo da área é obtido pelo produto (multiplicação) de duas dimensões (comprimento x largura). Ex.: Para calcularmos a área de um quarto com as dimensões de 4 metros de comprimento e 3 metros de largura fazemos: A (m²) área = 4m (comprimento) x 3m (largura). A= 12 m²

  • Cálculo do Volume:

    Cálculo do Volume:

    O cálculo do volume é obtido pelo produto (multiplicação) de três dimensões
    (comprimento x largura x altura).
    Ex.: Para calcularmos o volume de uma lata com as dimensões de 0,21
    metros de comprimento, 0.21 metros de largura e 0,41 metros de altura
    fazemos:
    V (m³) Volume = 0,21m (comprimento) x 0,21m (largura) x 0,41m (altura).
    V = 0,018m³

  • A Argamassa

    A Argamassa

    É a mistura de cimento, areia e água com ou sem outros elementos como arenoso, saibro e a cal. É utilizada nas alvenarias, nas fundações de pedra, nos revestimentos de paredes, etc.
    A resistência, a facilidade de trabalho, a qualidade das argamassas dependem da qualidade dos materiais empregados, de suas proporções (traços) e da quantidade de água na mistura.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 50,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • CONCEITOS BÁSICOS
  • Introdução
  • Noções Básicas
  • Alinhamento
  • Esquadro
  • Prumada
  • Unidades de Medida
  • Cálculo da Área:
  • Cálculo do Volume:
  • A Argamassa
  • O Concreto
  • Traços
  • Leitura e Interpretação de Projetos
  • Plantas
  • A planta nos mostra:
  • Corte
  • O corte nos mostra:
  • Materiais de Construção
  • Tipos de Materiais de Construção
  • Areia
  • Arenoso
  • Brita
  • A unidade de medida da brita é o m³ (metro cúbico).
  • Aglomerantes
  • Cimento
  • Resistencia por centímetro
  • Cuidados quanto ao estoque de cimento:
  • OUTROS
  • OUTROS:
  • Figura Estribo e Barras:
  • OUTROS
  • MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO
  • TIJOLOS
  • Ferramentas
  • FERRAMENTAS
  • FERRAMENTA
  • Locação da Obra
  • A locação de pequenas construções necessita das seguintes ferramentas e materiais:
  • Locação da Obra
  • Referência do lote no Terreno
  • Locação dos Alinhamentos (Lados do Terreno)
  • Esquadro
  • FIGURA -ESQUADRO
  • GABARITOS
  • FIGURA
  • Escavação da Obra
  • Fundação
  • Fundação em Estaca Broca
  • Locação de estacas
  • ESCAVAÇÃO
  • Viga Baldrame
  • Construção da Camada de Concreto Magro
  • Construção de Alvenaria de Bloco Estrutural
  • Detalhe da Prumada de Centro da Alvenaria de Bloco Estrutural
  • Detalhe da Alvenaria de Bloco de Concreto Estrutural
  • Construção de Alvenaria de Bloco de Concreto Estrutural Tipo Calha
  • Construção de Fundação em Alvenaria de Pedra
  • Parede
  • Alvenaria de Bloco Cerâmico
  • FIGURA
  • Alvenaria de Bloco Cerâmico
  • Marcação das Primeiras Fiadas
  • Alinhamento da Fiada
  • ESQUEMAS DE ARMAÇÃO DE PAREDE
  • Acabamentos
  • Chapisco
  • Emboço
  • Figura-Emboço
  • Reboco
  • Figura-Reboco
  • Reboco
  • Arestameto
  • Pavimentação
  • Contrapiso em Solo Cimento
  • Figura
  • Contrapiso em Solo Cimento
  • Figura-Contrapiso em Solo Cimento
  • Piso cimentado
  • Figura 1- Piso cimentado
  • Piso cimentado
  • Figura 2- Piso cimentado
  • Microempreendedor Individual – MEI
  • Cobertura previdenciária e carências Contribuições mensais
  • APOSENTADORIA
  • Bibliografia