Curso Online de Como usar a didática  para ensina historia
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de Como usar a didática para ensina historia

Este curso tem por objetivo contribuir para o enriquecimento das discussões teóricas metodológicas. Como usar a didática para ensinar a ...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 6 horas

Por: R$ 60,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Este curso tem por objetivo contribuir para o enriquecimento das discussões teóricas metodológicas. Como usar a didática para ensinar a historia ¿ O mesmo sugere possibilidades metodológicas crítico reflexivas de forma contextualizada e multidisciplinar para construção do conhecimento histórico. Ressalta que as posições teóricas dos especialistas em Didática da História não são, de maneira alguma, homogêneas. Conceitos como ?consciência histórica?, ?cultura histórica? ou ?aprendizagem histórica? se vinculam com idéias inteiramente distintas acerca do manejo do saber ou conhecimentos históricos.

IBEANE CAMPOS MOREIRA , PEDAGOGA , ESPECIALISTA EM SERVIÇO SOCIAL NA SAUDE E ASSISTENCIA SOCIAL, E POETISA.


- Lucinda Alves De Melo Bueno

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Como usar a didática para ensinar historia ?

    Como usar a didática para ensinar historia ?

    PEDAGOGA IBEANE CAMPOS MOREIRA

  • Principais questões:

    Principais questões:

    Uma das principais questões apontadas hoje, nos debates em torno da problemática do ensino, relaciona-se com as dificuldades dos professores para

  • concretizar e articular, em sala de aula, as renovações do conteúdo e as inovações pedagógicas com os interesses dos alunos. Na perspectiva do ensino de História, afirma-se, em tom de crítica, que os alunos sabem menos do que antes, que não se interessam pelos conhecimentos históricos e que não conseguem alcançar os níveis educacionais desejados.

  • Nessa perspectiva, as aulas de história enfrentam exigências novas que decorrem da necessidade de novas formas de aprendizagem mais complexas, isto é, mais totalizadoras e integradoras que permitam aos estudantes a aquisição de determinados conhecimentos, não somente no nível cognitivo enquanto “saber histórico”, mas também em situações concretas sociais, isto é, esse saber deve ter significado para a sua vida política, social e cotidiana.

  • Frente a esse contexto, nas escolas, os professores enfrentam novos desafios e inseguranças e, no cotidiano do trabalho escolar, lhes resta pouco tempo para refletir sistematicamente sobre suas experiências.

  • . Em geral, suas reflexões estão voltadas predominantemente a questões emergenciais de suas salas de aula. Essa situação inclui, entre as preocupações das pesquisas da Didática da História, uma atenção preferencial ao campo da prática escolar, entendendo que a sala de aula é o cenário onde se culmina o processo de seleção e configuração do conhecimento que se põe à disposição dos alunos.

  • É importante destacar que os estudos e pesquisas da Didática da História, que
    Estão sendo desenvolvido em vários países, têm procurado superar sua relação de clientelismo com a ciência da História e buscado desenvolver tarefas próprias, colocando no centro da reflexão e formação teórica dos professores e o ensino de história na escola, indicando que a função desse campo não seria apenas traduzir os resultados da investigação histórica para o uso escolar.

  • É preciso ressaltar que as posições teóricas dos especialistas em Didática da História não são, de maneira alguma, homogêneas. Conceitos como “consciência histórica”, “cultura histórica” ou “aprendizagem histórica” se vinculam com idéias inteiramente distintas acerca do manejo do saber ou conhecimentos históricos.

  • Entende-se que, como tarefa educativa de formação política, crítica e comunicativa, a Didática da História pode ser assumida como um conjunto de conhecimentos que, em relação com a situação atual, pretende formular conteúdos relevantes do passado com o objetivo de transmiti-los, de tal modo que possam ser transformados em “habilidades sociais” pelas novas gerações

  • Assim, esses conhecimentos assumem uma posição crítica social, isto é, procuram oferecer uma gama de reflexões sobre os problemas sociais do momento, que possam ser repensados a partir do seu futuro e de sua possibilidade como elemento de transformação.

  • Segundo Borries (2000), a Didática da História poderá se transformar de um discurso normativo e especulativo em um conhecimento empírico e pragmático,
    passando a ser entendida como uma ciência social aplicada.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 60,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Como usar a didática para ensinar historia ?
  • Principais questões:
  • cujas principais perguntas seriam:
  • FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
  • Como afirma ZAMBONI (2001):
  • Professores investigadores em aulas de História
  • considerações:
  • REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
  • Agradecimento