Curso Online de Contribuições da visão neuropsicológica no entendimento da aprendizagem

Curso Online de Contribuições da visão neuropsicológica no entendimento da aprendizagem

Esse curso explana informações sobre a visão da Neuropsicologia em relação a aquisição do conhecimento, evidenciando o quadro geral de co...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Esse curso explana informações sobre a visão da Neuropsicologia em relação a aquisição do conhecimento, evidenciando o quadro geral de como essa Ciência pode auxiliar crianças com dificuldade de aprendizagem. Além disso, também é dado importância a questão sócio-afetiva na aprendizagem, utilizando um pouco da Teoria de Vygotsky sobre o educador mediador.

Psicóloga e Psicopedagoga com experiência em Atendimento Psicológico a crianças com Transtorno Invasivo do Desenvolvimento.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Contribuições da visão neuropsicológica no entendimento do processo de escolarização

    Contribuições da visão neuropsicológica no entendimento do processo de escolarização

    Fernanda Signato Marques – Psicóloga e Psicopedagoga

  • A Neuropsicologia

  • O campo de estudo da neuropsicologia engloba a correlação entre modelos neurais e cognitivos, além das lesões cerebrais empregando o método anátomo-clínico. Alguns autores ainda sugerem que essa ciência se dedica apenas às funções cognitivas como memória, linguagem, entre outras, porém, outros estudiosos afirmam que além disso, ela englobe comportamento e vivências subjetivas dos seres humanos (COSTA; REIS, 2009).

  • Sendo assim, a neuropsicologia, por exemplo, pode instituir e avaliar a existência e a magnitude de alterações cognitivas secundárias a lesões cerebrais em uma criança, oferecendo análises tanto quantitativas como qualitativas, permitindo assim a comparação com pessoas da mesma idade, sexo e escolaridade, para uma possível intervenção e adaptação dessa criança em seu meio escolar, auxiliando pais, educadores e outros profissionais da área da saúde e da educação (COSTA; REIS, 2009).

  • Já para Lucca e Dell’Agli (2008), a neuropsicologia também é importante na avaliação de crianças com DA (dificuldade de aprendizagem), já que é fundamental documentar o grau de evolução da aprendizagem da criança, obtendo dados que possibilitem a aplicação de uma intervenção pertinente às necessidades dessa criança, além de permitir mais a fundo o funcionamento cerebral, permitindo a avaliação de processos cognitivos e comportamentais, contribuindo para compreensão das DA e do sentimento de fracasso e suas conseqüências nas várias áreas que poderiam ser afetadas, como a emocional e a acadêmica.

  • A utilização da Neuropsicologia na compreensão da aprendizagem humana

  • Costa e Reis (2009), acrescentam que a neuropsicologia tem o papel de aplicação de testes psicométricos e neuropsicológicos que tem como objetivo analisar a relação dos dados fornecidos através desses testes, para uma compreensão do funcionamento neurológico e dos comportamentos de cada pessoa, fornecendo um perfil neuropsicológico de cada criança, permitindo assim auxiliar e orientar pais e profissionais sobre como trabalhar com as potencialidades de cada criança, a fim de melhorar sua qualidade de vida tanto na escola quanto na comunidade em que ela convive.

  • Para Moretti e Marins (1997), Ao ministrar elementos para averiguar a apreensão do funcionamento intelectual da criança, a neuropsicologia pode auxiliar diferentes profissionais, tais como médicos, psicólogos, fonoaudiólogos, psicopedagogos, etc...; gerando uma intervenção terapêutica mais eficaz.

  • Em relação aos problemas de aprendizagem, reprovações escolares têm vaias origens e hipóteses diferentes, justificando um múltiplo enfoque. Dadas as circunstâncias, neste processo ensino- aprendizagem, analisa-se que a avaliação global da funções psicológicas deve levar em conta todo o mecanismo cerebral, nos seus níveis sucessivos de evolução. (TIOSSO, l989, l993 apud MARTINS, MORETTI, 1997).

  • Moretti e Martins (1997) ainda afirmam que a avaliação neuropsicológica é a única maneira possível de se avaliar uma determinada função, já que exclusivamente quando a mesma é colocada à prova (mediante testes específicos), pode-se observar sua integridade ou comprometimento.


  • Enfim, a neuropsicologia é uma área com interesses nos diversos aspectos cognitivos da pessoa e com seus conhecimentos técnicos beneficiará crianças na reabilitação de vários transtornos, síndromes e deficiências, como por exemplo: afasias, apraxias, distúrbios da atenção, déficits da psicomotricidade, deficiência visual cortical, deficiência auditiva, na dislexia, distúrbios da linguagem oral e escrita, distúrbios do sono na infância, intervenção nos transtornos de aprendizagem, além de seu interesse por cognição e afeto, epilepsias, paralisia cerebral, prevenção em saúde mental; reabilitação da memória, transtornos invasivos do desenvolvimento – autismo, entre outros (COSTA; REIS, 2009).


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Contribuições da visão neuropsicológica no entendimento do processo de escolarização