Curso Online de LITERATURA
5 estrelas 55 alunos avaliaram

Curso Online de LITERATURA

A LITERATURA NO BRASIL:BARRO,ARCADISMO,ILUMINISMO,MODERNISMO,PRÉ-MODERNISMO,REALISMO,SIMBOLISMO,PARNASIANISMO,ROMANTISMO E SEUS ATORES E ...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 11 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

A LITERATURA NO BRASIL:BARRO,ARCADISMO,ILUMINISMO,MODERNISMO,PRÉ-MODERNISMO,REALISMO,SIMBOLISMO,PARNASIANISMO,ROMANTISMO E SEUS ATORES E OBRAS...

Bibliotecária


- Anselmo Antonio Moreira

- Fabiana Teixeira De Melo

- Amanda Aparecida Munhoz

- Ana Carina Alves

- Maria José Da Silva Campos

- Ester Da Silva Campos

- Claudia Nalon Pires

- Andréia Mara Gonçalves De Caxias

- Rosangela Lima De Souza

- Gabriela Beatriz Da Costa Neres

- VictÓria De Oliveira Silva

- LetÍcia Pereira OlegÁrio De Souza

- Michele Barboza

- Marilene Dallagnol

- Suzana Silva Santos

- Jusciene Batista De Souza

- Edilson Januario De Freitas

- Leticia Barbosa Santiago

- Agatha Lauani Silva Santos

- Wender Das Dores Camargo

- Ana Santana Dos Santos

- Joana D'arc De Araújo

- Sara Alves Pereira

- Antonio Joel Lima Mota

- Natalia Cristiane Zanini Cardoso

- Patricia Araujo Das Chagas

- Micaela Pinheiro Akhras

- Camila Yoshizawa

- Maria Das Dores Nunes

- Eliana Lopes Dias

- Lilian Silva Beltrão Paludo

- Agda Caires De Campos

- Anderson Rodrigues De Mello

- Vanessa Barbosa Pereira

- Paloma Aparecida Da Silva

- Glória Maria Da Silva Ferreira Santos

- Marilza Do Rosário

- Bruno Elzo Dos Santos Silva

- Roseli Teixeira Cândida Fernandes

- Graziela Dutra

- Iris Vania Aparecida Moreira

- Silene Jose Da Costa

- Francisca Marly Rodrigues Braga

- Sandra Pereira Leite

- Lucas Mendes Barbosa

- Glauci De Lima Nunes

- Henrique Martins Beltrane

- Jeane De Oliveira Alves

- Marusa Zanon Valente

- Selma Paixão Souza Marinho

- Daniela Carla Goes De França Nascimento

- Rosangela Lima De Souza

- Joyce Cardoso De Souza

- Andreia Aparecida De Miranda

- Gabriela Conceição De Lima

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Literatura   Canais de Literatura   Barroco

    Literatura   Canais de Literatura   Barroco

  • O Barroco começa a partir do ano de 1600 e todas as manifestações entre essa data e 1700 estão inseridas em um contexto assimétrico e rebuscado das obras barrocas. Segundo alguns autores, a palavra “barroco” deriva da palavra “verruca” do latim, que significa elevação de terreno em superfície lisa. Toda pedra preciosa que não tinha forma arredondada era chamada de barrueca.

  • Logo após, toda e qualquer coisa que possuía forma bizarra, que fugia do normal, era chamada de baroque. O poeta italiano Giosuè Carducci foi quem, em 1860, adjetivou o estilo da época dos Seiscentos, referindo-se às manifestações artísticas ocorridas a partir do ano de 1600, como sendo barroco. Então, apesar de não possuir características unânimes em todas as obras, o barroco passou a ser a denominação dos artistas e escritores da referida época.

  • O Barroco ou Seiscentismo teve início em Portugal com a unificação da Península Ibérica, fato que acarreta ao período intensa influência espanhola, e também faz surgir outra denominação para o período, Escola Espanhola. No Brasil, o Barroco teve início em 1601, com a publicação do poema épico Prosopopeia, de Bento Teixeira, o qual introduz em definitivo o modelo da poesia camoniana na literatura brasileira.

  • Portugal estava em decadência nos últimos vinte e cinco anos do século XVI, o comércio tornava Lisboa a capital da pimenta, no entanto, a agricultura estava abandonada e as colônias portuguesas, inclusive o Brasil, não deram riquezas imediatas. Pouco tempo depois, com o desaparecimento de D. Sebastião, Filipe II da Espanha consolidou a unificação da Península Ibérica, o que possibilitou e favoreceu o avanço da Companhia de Jesus em nome da Contrarreforma, o que ocasionou a permanência de uma

  • cultura praticamente medieval na península, enquanto o restante da Europa vivia as descobertas científicas de Galileu, Kepler e Newton, por exemplo.
    É durante este quadro cultural europeu que o estilo Barroco surgiu, em meio à crise dos valores renascentistas, ocasionada pelas lutas religiosas e dificuldades econômicas. O contexto assimétrico e rebuscado do barroco, citado anteriormente, é reflexo do conflito do homem entre as coisas terrenas e as coisas celestiais, o homem e Deus, antropocentrismo (homem no centro) e o teocentrismo (Deus no centro), pecado e o perdão, enfim, constantes dicotomias.

  • No Barroco podemos classificar dois estilos literários: O Cultismo e o Conceptismo.
    • Cultismo – caracterizado pela linguagem culta, rebuscada, ligado à forma, jogo de palavras, com influência do poeta espanhol Luís de Gôngora, e por isso, chamado também de Gongorismo.
    • Conceptismo – caracterizado pelo jogo de ideias, ligado ao conteúdo, raciocínio lógico, com influência do espanhol Quevedo, e por isso, chamado também de Quevedismo.

  • No Barroco brasileiro destacam-se os autores: Padre Antônio Vieira com suas obras de profecias, cartas e sermões e Gregório de Matos Guerra, essencialmente poético.

  • Arcadismo
    O Arcadismo se inicia no início do ano de 1700 e por isso recebe o nome também de Setecentismo, ou ainda neoclassicismo. Esta última denominação surgiu do fato dos autores do período imitarem, não de uma forma pura, mas alguns aspectos da antiguidade greco-romana ou o chamado Classicismo, e também os escritores do Renascimento, os quais vieram logo após a idade clássica.

  • O classicismo compreende a época literária do Renascimento, no qual o homem tem a visão antropocêntrica do mundo, ou seja, o homem como centro de todas as coisas. Os renascentistas prezavam as obras clássicas, já que tinham a convicção de que a arte tinha alcançado sua perfeição.

  • Assim como os renascentistas, os escritores árcades pretendiam retomar o estilo clássico, contudo com uma nova maneira, denominada de Neoclássica, de observar as considerações artísticas abordadas naquele período, como a razão e a ciência, conceitos oriundos .


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Barroco
  • Arcadismo, Iluminismo
  • Modernismo, Pré-modernismo
  • Realismo
  • Simbolismo
  • Parnasianismo
  • Romantismo
  • Autores e obras de nosso barroco
  • Autores e obras de nosso arcadismo
  • Iluminismo e seus principais representantes
  • Autores e obras do modernismo
  • Autores e obras do pré-modernismo
  • Autores e obras do realismo
  • Autores e obras do simbolismo
  • Autores e obras do parnasianismo
  • Autores e obras do romantis