Curso Online de Movimento Feminista - O básico

Curso Online de Movimento Feminista - O básico

1. Voto da mulher. - 1.1. Primeira mulher a votar no Brasil. - 1.2. Getúlio Vargas e o decreto. 2. Dia internacional da mulher. 3. Lei Ma...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

1. Voto da mulher.
- 1.1. Primeira mulher a votar no Brasil.
- 1.2. Getúlio Vargas e o decreto.
2. Dia internacional da mulher.
3. Lei Maria da Penha.
- 3.1. Maria da Penha Maia Fernandes - (História previa).
4. Dia internacional de combate à violência contra a mulher.
5. Mulheres nos cinemas.

Experiência em teatro, atuações, "palhaço"; artesanato; música; educação ambiente; artes; apresentação de trabalhos, palestras, secretariado, e atualmente faço faculdade de teologia.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • Elas fizeram a diferença

    Elas fizeram a diferença

  • Na cidade de Mossoró, no estado do Rio Grande do Norte:

    Na cidade de Mossoró, no estado do Rio Grande do Norte:

  • Em 1928, esse estado nordestino era governado por Juvenal Lamartine, a quem coube o pioneirismo de autorizar o voto da mulher em eleições,

    Em 1928, esse estado nordestino era governado por Juvenal Lamartine, a quem coube o pioneirismo de autorizar o voto da mulher em eleições,

  • “o que não era permitido no Brasil”, mesmo a proibição não constando da Constituição Federal.

    “o que não era permitido no Brasil”, mesmo a proibição não constando da Constituição Federal.

  • No Consultor Jurídico do jornal "O Estado de São Paulo", encontra-se a informação de que logo após a proclamação da República, o governo provisório convocou eleições para uma Assembleia Constituinte.

    No Consultor Jurídico do jornal "O Estado de São Paulo", encontra-se a informação de que logo após a proclamação da República, o governo provisório convocou eleições para uma Assembleia Constituinte.

    Jornal:

  • Jornal:

    Na ocasião, uma mulher conseguiu o alistamento eleitoral invocando a legislação imperial,

  • Jornal:

    a "Lei Saraiva", promulgada em 1881, que determinava direito de voto a qualquer cidadão que tivesse uma renda mínima de 2 mil réis.

  • “Uma mulher” invocou o artigo 17 da lei eleitoral do Rio Grande do Norte, de 1926:

    “Uma mulher” invocou o artigo 17 da lei eleitoral do Rio Grande do Norte, de 1926:

  • “No Rio Grande do Norte, poderão votar e ser votados, sem distinção de sexos, todos os cidadãos que reunirem as condições exigidas por lei”.

    “No Rio Grande do Norte, poderão votar e ser votados, sem distinção de sexos, todos os cidadãos que reunirem as condições exigidas por lei”.

  • Em 25 de novembro de 1927 “ela” deu entrada numa petição requerendo sua inclusão no rol de eleitores do município.

    Em 25 de novembro de 1927 “ela” deu entrada numa petição requerendo sua inclusão no rol de eleitores do município.

  • O juiz Israel Ferreira Nunes deu parecer favorável e enviou telegrama ao presidente do Senado Federal, pedindo em nome da mulher brasileira,

    O juiz Israel Ferreira Nunes deu parecer favorável e enviou telegrama ao presidente do Senado Federal, pedindo em nome da mulher brasileira,


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • 1. Voto da mulher.
  • - 1.1. Primeira mulher a votar no Brasil.
  • - 1.2. Getúlio Vargas e o decreto.
  • 2. Dia internacional da mulher.
  • 3. Lei Maria da Penha.
  • - 3.1. Maria da Penha Maia Fernandes - (História previa).
  • 4. Dia internacional de combate à violência contra a mulher.
  • 5. Mulheres aos cinema