Curso Online de Peeling de diamante profissional

Curso Online de Peeling de diamante profissional

Curso indicado para profissionais ou estudantes da área de beleza.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 39,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Curso indicado para profissionais ou estudantes da área de beleza.

Formação superior em tecnologia em estética e cosmética. Pós graduação em Docência do Ensino superior.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • PEELING DE DIAMANTE APLICADO À ESTÉTICA

    APOSTILADO

  • Introdução

    O peeling de diamante nada mais é do que um tipo de dermoabrasão que tem como função incentivar a renovação da pele, assessorar na remoção de cicatrizes, manchas de pigmentação e rugas finas restaurando a estrutura da pele.

    O peeling é um tratamento estético feito por dermatologistas por meio de ácidos e outros cremes manipulados. Durante o processo de peeling ocorre a destruição da camada superficial, média ou profunda da pele, sofrendo escamação dessas camadas — eliminando células mortas e dando lugar a uma pele nova, mais saudável e bonita e com menos rugas, manchas, acne e outras imperfeições.

    Introdução

  • Em princípio, ele retira uma camada, que depois é regenerada e recebe um aspecto novo através de células que permanecem em determinados pontos da pele e com capacidade de reprodução.

  • Muito eficiente para o rejuvenescimento, ele funciona como uma lixa que retira as células mortas e estimula o colágeno, sem deixar marcas.
    São peelings seqüenciais mais saudáveis, indicados para qualquer tipo de pele. Provocam uma descamação mais leve, porém a seqüência deles levará a um resultado mais efetivo. Uma vantagem do peeling de diamante é a de não tirar o paciente de sua rotina (trabalho, compromissos), pois a descamação que ocorre é delicada e praticamente imperceptível.
    Normalmente são realizadas 6 sessões, uma a cada 15 dias.
    O aparelho realiza uma remoção mecânica e controlada das camadas mais superficiais da pele, esfoliação limitada à epiderme, podendo chegar à derme papilar. A microdermoabrasão é realizada através de ventosas diamantadas de diferentes granulometrias.

  • O objetivo do peeling de diamante é renovar as células, reduzindo as rugas finas, diminuindo os poros dilatados a oleosidade e a acne.

    A abrasão e esfoliação são controladas e estimulam a formação de colágeno, proteína natural da pele, que vem a ser a chave da elasticidade e do tônus facial.

    É um peeling leve e retira somente uma parte da epiderme, diferentemente do peeling químico, que pode resultar em uma reação inflamatória e descamação.

                                     

  • O tratamento age de maneira suave e progressiva, pode ser usado em todos os tipos de pele, inclusive em peles morenas e também bronzeadas e em qualquer região do corpo sem ocasionar manchas.

    O procedimento é realizado no consultório, sendo indicado para suavizar manchas de pele, no tratamento de estrias, flacidez e rejuvenesciment

  • No tratamento das estrias, o processo se dá acordo com o tipo da estria e pode ser um pouco mais agressivo, sendo assim, o especialista regula a abrasão para fina ou grossa.

    A ponteira é conectada a um aparelho de vácuo que puxa a pele e a comprime contra o diamante, tornando a esfoliação ainda mais efetiva. O paciente pode apresentar vermelhidão ou eritema nas áreas tratadas e fica proibida de tomar sol por cerca de três meses.

  • Geralmente se faz o procedimento de 15 em 15 dias dependendo da pele do paciente. São indicadas cinco sessões em média.

    O procedimento deve ser feito por um fisioterapeuta dermato-funcional capacitado ou por um médico, em um consultório.

  • História do peeling

    Desde a antiguidade o ser humano percebeu que após abrasões ou esfoliações, a pele possuia a surpreendente capacidade de renovar-se a partir de suas camadas mais profundas, mantendo a pele sã e com aspecto jovial; Cleópatra utilizava "leite azedo" para manter sua pele limpa, suave e livre de impurezas; já na Idade Média as mulheres utilizavam o "vinho velho" repetitivamente em seus rostos para obterem os mesmos resultados.

    Com estudos e resultados positivos pelo Dr. Stütgen na Alemanha em 1959, da dermoabrasão no tratamento de algumas doenças da pele como a psoríase, utilizando o ácido retinóico, até os dias atuais, muitos foram os agentes de peelings pesquisados e utilizados, gerando uma gama de possibilidades terapêuticas nos diversos casos de lesões cutâneas.

    História do peeling

  • A palavra peeling vem do inglês que significa tirar a pele, despelar, descamar.

    Os peelings constituem uma forma acelerada de esfoliação induzida por diversos agentes, resultando na destruição controlada de porções da epiderme e/ou derme com subsequente regeneração de novos tecidos.

  • Anatomo-fisiologia da pele:

    Diferencia-se 3 camadas na pele:
    Epiderme (externa)
    Derme (intermediária)
    Hipoderme (interna)

    Anatomo-fisiologia da pele:


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 39,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Introdução
  • História do peeling
  • Anatomo-fisiologia da pele:
  • Dermoabrasão ou Peeling Mecânico
  • Objetivos
  • Profundidade do Peeling
  • Tipos de Peeling
  • ALTERAÇÕES DA PELE GERADA PELOS PEELINGS
  • EFEITOS
  • INDICAÇÕES
  • CONTRA-INDICAÇÕES
  • Cuidados Pós Peeling
  • COMPLICAÇÕES DO PEELING QUÍMICO
  • Tratamento Dermoabrasivo para Estrias
  • TRATAMENTO PARA ILUMINAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE PELESENVELHECIDAS
  • Considerações finais