Curso Online de ESTUDO DA HIDROLIPODISTROFIA GENOIDE (CELULITE)
4 estrelas 2 alunos avaliaram

Curso Online de ESTUDO DA HIDROLIPODISTROFIA GENOIDE (CELULITE)

INTRODUÇÃO; DEFINIÇÕES; ETIOLOGIA; GRAU E EVOLUÇÃO; TRATAMENTO:DESCRIÇÃO E DEFINIÇÃO DE VARIOS METODOS.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 10 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

INTRODUÇÃO;
DEFINIÇÕES;
ETIOLOGIA;
GRAU E EVOLUÇÃO;
TRATAMENTO:DESCRIÇÃO E DEFINIÇÃO DE VARIOS METODOS.

Sou graduada em Estética e cosmética, estudei na faculdade Estácio de Sá. Estou me aperfeiçoando em peles étnicas e venho pesquisando os efeitos nocivos do sol sobre a cútis e os beneficios dos aparelhos de eletroterapia nos processos de terapia estética. O meu objetivo é esclarecer as dúvidas e passar informações aos estudantes de estética. Espero poder ajudar... Fernanda Vasconcelos


- Júlia Fabrício Barros

- Carolina Da Rosa

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • A HIDROLIPODISTROFIA GINOIDE (CELULITE)

    O ESTUDO DA
    “CELULITE

  • 1. INTRODUÇÃO

      
    A Hidrolipodistrofia Ginoide (celulite) acomete mulheres de todas as classes, e traz prejuízos estéticos e complicações clínicas. Diante destes fatos avaliou-se a necessidade de esclarecimentos sobre esta patologia e possíveis tratamentos estéticos, que possibilite a prevenção e auxilie no melhoramento dos efeitos estéticos e clínicos causado por essa disfunção.
    O trabalho estético ameniza os problemas, partindo da necessidade de técnicas associadas para obtenção de bons resultados. Hoje, existem diversos procedimentos para solucionar os problemas visíveis (possíveis de serem notados). Atualmente existe uma grande demanda de produtos , tratamentos com eletroterapia entre outras técnicas. Possibilitando uma maior eficiência dos tratamentos, e facilitando o trabalho dos profissionais da área. Muitos autores constataram a necessidade da existência de um livro que esclarecesse a estudante e profissionais das questões da estética corporal e dos prejuízos fisiológicos.
     

     

    1. INTRODUÇÃO

  •   DEFINIÇÃO

      DEFINIÇÃO

    Celulite é uma condição que afeta o tecido subcutâneo, atua na hipoderme em especial, o tecido gorduroso. Apesar de ser uma patologia de pouca implicação clínica, traz grandes preocupações estéticas às mulheres (levando a constrangimentos), alem de provocar desconfortos da área que acomete, gerando uma serie repercussão patológica ao tecido afetado. Existe outra condição médica também denominada celulite infecciosa resultado de infecção do tecido subcutâneo.

    A celulite geralmente apresenta-se na forma de irregularidades na superfície da pele devido a alterações nas camadas de gordura subcutânea. Sua aparência é de covinhas ou rugosidade. É caracterizada principalmente pelo aparecimento de ondulações da pele, dando a esta o aspecto de casca de laranja ou de colchão. área eritematosa de bordos mal definidos, dolorosa, levemente edemaciada.

  • Nomes científicos:

    Nomes científicos:

    FIBRO EDEMA GELÓIDE;
    HIDROLIPODISTROFIA GINOIDE ;

  • Etiologia

    Etiologia

    O processo de formação da celulite acontece nos lipócito, que é a célula de gordura. Essa célula apresenta pequenos vacúolos de gordura distribuídos pelo seu interior. Nesses vacúolos fica armazenado o excesso de gordura da alimentação.

    Com o aumento progressivo de gordura nos vacúolos, eles vão se aproximando um do outro, e acabam se unindo, surgindo assim um grande vacúolo que ocupa quase toda a célula.

    A célula toda é aumenta de tamanho devido ao acumulo de gordura. O tecido gorduroso existente embaixo da pele é formado por um grande número de lipócitos. A quantidade de lipócitos é diferente nas pessoas com tendência à serem magras, que tem menos e nas pessoas com tendência à obesidade que tem mais.

  • Etiologia

    Etiologia

    Entre os lipócitos correm os vasos, as artérias que trazem  o sangue, oxigênio e nutrientes e as veias e linfáticos que transportam o sangue e os produtos do metabolismo de volta para a circulação num processo contínuo.quando tecido gorduroso encontra-se  aumentado, comprime as veias e linfáticos passando à existir então um edema (inchaço) que aumenta ainda mais o volume do tecido, piorando o processo de celulite.

    hormônio feminino dirige mais gordura para regiões preferenciais como o quadril, e alteram a parede das microveias, piorando mais as condições circulatórias e agravando a celulite, em um ciclo vicioso que agora se inicia, e se não tratado tende à perpetuar. Os estágios de celulite vão acontecendo, desde o estágio I quando existe apenas um aumento de volume das células, com um pequeno edema, até estágios mais avançados, onde ocorre uma completa desorganização do tecido gorduroso com aparecimento de nódulos e depressões .
     

  • Etiologia

    Etiologia

    No tecido gorduroso existem as fibras, que separam os  grupos de lipócitos. É por causa das características destas fibras que as mulheres desenvolvem celulite e os homens não. Isso acontece da seguinte forma nas mulheres as fibras são finas e encontra-se perpendiculares a pele, fazendo uma ligação da pele ao tecido muscular mais  profundo , nos homens as fibras são mais grossas e se ligam à musculatura de forma oblíqua.

    Quando aumenta o tamanho do tecido gorduroso na mulher pela acumulação de gordura, este tecido se expande em direção à pele e quando o mesmo acontece no homem, as fibras resistem à expansão em direção à pele e dirigem o tecido gorduroso em direção a profundidade, não aparecendo assim as irregularidades da celulite.

  • ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO

    ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO

    Graus da “celulite”

  • 2.ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO  

    Condição Normal
     
    Na condição normal o tecido gorduroso é ricamente irrigado, as células gordurosas são de tamanho e formas normais. Os vasos são eficientes e tem formato normal. Não existe ondulações ou irregularidades na pele ao ficar de pé ou deitado, mas é possivel notar que ao pinçar a região surgem as ondulações.

    2.ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO  

  • ESTÁGIOS - Graus

    ESTÁGIOS - Graus

    1º Estágio (grau 1)
     
    É não possível notar ondulações ou irregularidades na pele ao ficar de pé ou deitado, mas quando se pinçar a região surgem as ondulações , covinhas e depressões. Neste estagio acontece um aumento de volume  das células do tecido gorduroso na região afetada ocasionado por acúmulo de gordura dentro da célula. Não há sinais visíveis na pele e nem dor. Pois não Há ainda alteração circulatória e dos tecidos de sustentação, apenas existe pequena dilatação das pequenas veias do tecido gorduroso.

  • ESTÁGIOS - Graus

    ESTÁGIOS - Graus

    2º Estágio (grau 2)
     
    As células gordurosas ficam um pouco mais cheias de gordura, Já aparece um certo grau de fibrose, que conforme se agrava, começa à formar micronódulos na fase seguinte. Apresenta na fase algumas alteração circulatória por compressão das microveias e vasos linfáticos. O sangue e a linfa (líquido aquoso que banha as células)  começam a serem represados. Ocasionando o aparecimento de edemas “inchaço” das células gordurosas e detritos tóxicos, que deveriam ser eliminados, mas começam a se acumular. Na pele já é possível se observar irregularidades à palpação e ainda não existe dor.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • 1. INTRODUÇÃO
  •   DEFINIÇÃO
  • Nomes científicos:
  • Etiologia
  • ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO
  • 2.ESTÁGIOS DE EVOLUÇÃO  
  • ESTÁGIOS - Graus
  • TESTE DO BELISCÃO:
  • 3.CAUSAS
  • 4.TRATAMENTOS
  • TRATAMENTOS
  • DRENAGEM LINFÁTICA
  • BANDAGEM GESSADA (GESSOTERAPIA)
  • RADIOFREQUENCIA
  • A ENDERMOLOGIA
  • CARBOXITERAPIA
  • INFRAVERMELHO
  • SUBCISÃO
  • MASSAGENS
  • CREMES
  • Géis redutores
  • MESOTERAPIA
  • ULTRA SOM 3 MHZ
  • Os princípios ativos eficaz no tratamento da celulite