Curso Online de HISTÓRIA MEDIEVAL DO DIREITO EUROPEU OCIDENTAL
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de HISTÓRIA MEDIEVAL DO DIREITO EUROPEU OCIDENTAL

Neste curso vamos aprender sobre: ? O período medieval e o renascimento do Direito Romano no ocidente; ? O Pacto Feudo-vassálico; ? R...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

Por: R$ 24,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Neste curso vamos aprender sobre:
? O período medieval e o renascimento do Direito Romano no ocidente;
? O Pacto Feudo-vassálico;
? Reinos Germânicos: Vândalos, Ostrogodos, Burgúndios, Visigodos, Francos;
? O Pluralismo Jurídico e o Processo Penal Acusatório;
? O Direito Canônico e o Processo Inquisitorial.

TSS - Troubleshooting Strategist; Consultor em Pesquisa Institucional (E-mec/Inep); Educador e Professor; Palestrante, Autor e Advogado, OAB/MG 94.245. Consultor na área de TSS: Troubleshooting Strategy em Desenvolvimento Educacional, Incremento Profissional, Treinamentos Motivacionais, Recursos Humanos, Neurolinguística, Coaching e Mentoring para colaboradores, profissionais e estudantes, com sólida vivência como palestrante, elaborando e ministrando cursos diversos na formação de líderes, por uma busca constante pela excelência em resultados de curto, médio e longo prazos. http://2013ricardoaugusto.wix.com/svrge


- Augusto Costa Dos Santos Jr

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • DIREITO MEDIEVAL

    Histórias dos Direitos na História

  • Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    Neste curso vamos aprender sobre:

    O período medieval e o renascimento do Direito Romano no ocidente;
    O Pacto Feudo-vassálico;
    Reinos Germânicos: Vândalos, Ostrogodos, Burgúndios, Visigodos, Francos;
    O Pluralismo Jurídico e o Processo Penal Acusatório;
    O Direito Canônico e o Processo Inquisitorial.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    A EUROPA MEDIEVAL

    A Idade Média é o período histórico da Europa que se estendeu do século V d. C. até o século XV, ou seja, da queda do Império Romano do Ocidente em 476 até a tomada de Constantinopla pelos turcos em 1453. Estes mil anos não foram uniformes, podemos vislumbrar pelo menos dois momentos específicos a título de estudo: a Alta Idade Média (do século V ao século IX) e a Baixa Idade Média (do século IX ao XV).

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    A EUROPA MEDIEVAL

    A Alta Idade Média é um período de desconstrução e construção. Por isso mesmo ele é cheio de vieses e detalhes. Neste tempo da história européia os homens tiveram que conviver com o fim do mundo que conheciam, o mundo romano e, ao mesmo tempo, com a construção de um novo mundo, agora tendo como elementos as culturas germânicas e a Igreja (Católica).

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    SISTEMA MEDIEVAL

    Este sistema apóia-se no Direito e dele não pode afastar-se, mas envolve o meio de vida, força, fé, interesses, terra, divisão social e tudo quanto o ser humano é capaz de criar.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    SISTEMA MEDIEVAL

    Dentre todas estas questões que envolvem este termo uma palavra é primordial para seu entendimento: sobrevivência.

    Quase tudo no Sistema Feudal tem algo a ver com a questão da sobrevivência. Seja a luta pela sobrevivência usando armas, seja a sobrevivência básica da alimentação, aí se encontra a semente do feudalismo.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    SISTEMA MEDIEVAL
    Destaca-se, no feudalismo, a questão da sobrevivência, qualquer indivíduo, por mais terras que tivesse, necessitava defendê-las e, por conseguinte, a si mesmo e a sua família. A defesa somente poderia ocorrer através das armas, que era a linguagem do período. Como não se podia contratar “capangas”, pois não havia como pagar; a fim de sobreviver o indivíduo deveria oferecer “algo” a quem pudesse ajudá-lo a defender-se e a suas terras. Este “algo” era um meio de obtenção de sobrevivência básica, alimento que somente poderia ocorrer através da posse de terras.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    SISTEMA MEDIEVAL

    Sobreviver não era somente defender-se, era também ter capacidade de atacar, conquistar mais terras para, num círculo viciosos, ter mais feudos a doar para vassalos e ter maior exército, para conquistar mais terras e assim por diante.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    CONTRATO FEUDO-VASSÁLICO

    O próprio feudalismo baseia-se em uma questão de direito, em um contrato, pois a concessão de um feudo era feita através de um pelo qual o senhor e o vassalo contraiam obrigações recíprocas. Para contratar eram necessários alguns ritos e formalidades que deveriam ser cumpridos por ambos os lados.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    CONTRATO FEUDO-VASSÁLICO

    Este é um contrato pessoal entre um homem que será o vassalo e outro homem que será o senhor, por isso através dos rituais, ambos, em público, fazem promessas recíprocas dentro de um cerimonial. Estas cerimônias tinham o nome de Investidura, Fé e Homenagem.

  • Origens do Direito dos Cristãos

    História do Direito

    Professor Ricardo Augusto dos Santos Martins

    EFEITOS DO CONTRATO FEUDO-VASSÁLICO

    Primeiramente este contrato gerava o poder do senhor sobre o vassalo, bem como uma obrigação de fidelidade (entendida como o dever de nunca prejudicar o subordinado), obrigação de proteção e de sustento. Este sustento poderia ser feito diretamente, ou seja, o senhor poderia tomar o vassalo e sua família sob seu próprio teto ou poderia, como era mais comum, conceder ao vassalo um feudo.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • O período medieval e o renascimento do Direito Romano no ocidente;
  • O Pacto Feudo-vassálico;
  • Reinos Germânicos: Vândalos, Ostrogodos, Burgúndios, Visigodos, Francos;
  • O Pluralismo Jurídico e o Processo Penal Acusatório;
  • O Direito Canônico e o Processo Inquisitorial.