Curso Online de GENÉTICA HUMANA

Curso Online de GENÉTICA HUMANA

O curso tem como objetivo atualizar o profissional nos grandes avanços ocorridos nos últimos anos em relação ao diagnóstico clínico molec...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 35 horas

Por: R$ 108,10
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O curso tem como objetivo atualizar o profissional nos grandes avanços ocorridos nos últimos anos em relação ao diagnóstico clínico molecular e na área da genética humana. O curso se propõe a revisar conceitos básicos da genética humana, como os fatores que determinam a herança biológica, enfatizando a ação dos genes e do ambiente na população humana, no seu desenvolvimento normal e na manifestação de anomalias. Desenvolver o conhecimento dos processos celulares básicos em nível molecular, desde noções elementares sobre a organização dos constituintes celulares, até a estrutura, organização e função dos ácidos nucléicos e biotecnologia,com enfoque na extração de DNA e interpret ação de cariótipos.

*TERAPEUTA NATURALISTA E MASSAGISTA. *TÉCNICO EM MEDICINA CHINESA, *TÉCNICO EM MEDICINA AYURVEDA *TÉCNICO EM MEDICINA E TIBETANA *CONSULTOR PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA. *CONSULTOR INTELIGÊNCIA EMOCIONAL APLICADA EM SALA DE AULA. *TÉCNICO EM LEITURA DINÂMICA ,MAPAS MENTAIS E APRENDIZAGEM ACELERADA. *FORMADO EM QUÍMICA / BIOLOGIA



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • GenéticA
    HUMANA

  • Instrumentos: Microscópio....
    Estudo das Células (1800): Era Celular
    Gregor Mendel (Fundamentos básicos da hereditariedade -1866);

  • Material Genético

    Material Genético

  • EVIDÊNCIAS DO Material Genético

    EVIDÊNCIAS DO Material Genético

    Evidências de que o material genético é de DNA:
    Griffith (1928): Fenômeno da transformação. PRINCÍPIO TRANSFORMANTE:
    Pneumococos tipo S (virulenta) e tipo R (não virulenta).

    Transformação: processo de entrada de DNA livre (isto é, DNA em solução, fora do invólucro celular) na célula.

  • Evidências de que o material genético é de DNA:
    Avery, MacLeod e MacCarty (1944): Transformação em Pneumococos. Prova de que o PRINCÍPIO TRANSFORMANTE é o DNA.
    Uso de enzimas (Dnases, Rnases e Proteases)

  • TIPOS DE DNA

    TIPOS DE DNA

    Tipo IIR = Colônias IIR

    Tipo IIR + DNA do Tipo IIIS mortas pelo calor
    = Colônias IIIS

    DNA do Tipo IIIS mortas pelo calor = Nenhuma Colônia

    Tipo IIR + DNA do Tipo IIIS mortas pelo calor + RNase
    = Colônias IIIS

    Tipo IIR + DNA do Tipo IIIS mortas pelo calor + Dnase
    = Nenhuma Colônia

    Tipo IIR + DNA do Tipo IIIS mortas pelo + Protease
    = Colônias IIIS

  • CONJUGAÇÃO

    CONJUGAÇÃO

  • =

    +

    B1

    B2

    B3

    B1 e B2 devem estar vivos

    Lederberg e Tatum – 1946 – E.coli K12

  • =

    +

    F+

    F-

    F+

    B1 e B2 devem estar vivos

  • TRANSDUÇÃO

    TRANSDUÇÃO

  • Transdução


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 108,10
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Material Genético
  • EVIDÊNCIAS DO Material Genético
  • TIPOS DE DNA
  • CONJUGAÇÃO
  • TRANSDUÇÃO
  • Material Genético GRÁFICOS
  • Nucleotídeo
  • Nucleotídeo ESTRUTURA QUÍMICA
  • Ligações Fosfodiéster
  • Polinucleotídeo PÚRINAS E PIRIMÍDICAS
  • Pontes de Hidrogênio:ESTRUTURA
  • Nucleotídeos
  • Formas Alternativas E AMBIENTE
  • Formas Alternativas ESTRUTURAS
  • Funcionamento do DNA
  • Replicação
  • Padrão de Replicação
  • Enzimas
  • A TRANSCRIÇÃO
  • o processamento do RNA e formação do RNA mensageiro (RNAm)
  • A tradução
  • The Mechanism of Translation Elongation in Procaryotes (1)
  • The Mechanism of Translation Elongation in Procaryotes (2)
  • The Mechanism of Translation Elongation in Procaryotes (3)
  • The Mechanism of Translation Elongation in Procaryotes (4)
  • The Mechanism of Translation Elongation in Procaryotes (5)
  • Emergência da genômica funcional
  • REPLICAÇÃO
  • Síntese de DNA em Eucariontes
  • As ?Bolhas de Replicação
  • PRINCIPAIS ENZIMAS ENVOLVIDAS
  • SISTEMA DE REPLICAÇÃO DO DNA
  • DNA Polimerases PRINCIPAIS
  • Tipos de DNA polimerase
  • NUCLEASES
  • ESTÁGIOS DA REPLICAÇÃO
  • INICIAÇÃO
  • Transcrição
  • CITOGENÉTICA CLÍNICA
  • CITOGENÉTICA
  • CITOGENÉTICA CLÍNICA- distúrbios cromossômicos
  • CITOGENÉTICA CLÍNICA- Morfologia
  • CITOGENÉTICA CLÍNICA- Indicações clínicas
  • Identificação cromossômica
  • CULTURA CELULAR E BANDA G
  • Bandeamento Q
  • Bandeamento R
  • Identificação cromossômica: situações especiais
  • Identificação cromossômica: situações especiais - Hibridização
  • Hibridização in situ por Fluorescência (FISH)
  • HIBRIDAÇÃO IN SITU FLUORESCENTE
  • Hibridização in situ (FISH)
  • CITOGENÉTICA MOLECULAR: SKY
  • TECNOLOGIAS
  • Nomenclatura citogenética
  • Anomalias cromossômicas
  • Anomalias cromossômicas numéricas
  • Anomalias cromossômicas numéricas
  • Como a triploidia é gerada
  • Qual o fenótipo de um indivíduo triplóide
  • Cariótipo e feto triplóide
  • ANEUPLOIDIA
  • ANEUPLOIDIAS
  • A gênese das aneuploidias
  • Anomalias cromossômicas estruturais
  • O que são aberrações estruturais dos cromossomos
  • Anomalias cromossômicas estruturais
  • Rearranjos não balanceados
  • Os rearranjos estruturais podem ser
  • Rearranjos equilibrados (ou balanceados)
  • Rearranjos não-equilibrados (ou não balanceados)
  • Rearranjos não balanceados
  • Tipos de deleções
  • Deleções
  • Rearranjos não balanceados-A
  • Rearranjos não balanceados-B
  • Cromossomos em anel
  • Quatro tipos de duplicações
  • DUPLICAÇÃO
  • Duplicação pela quebra cromossômica
  • GÊMEOS XIPÓFAGOS
  • Rearranjos não balanceados
  • ISOCROMOSSOMOS
  • Rearranjos balanceados-Inversões
  • Rearranjos balanceados Inversões -Paracêntricas
  • Rearranjos balanceados - Inversões Pericêntricas
  • Inversões Pericêntricas EXEMPLO
  • Rearranjos balanceados - Translocações
  • Rearranjos balanceados GRÁFICO
  • Translocação recíproca -OBSERVAÇÕES
  • Rearranjos balanceados
  • Translocação Robertsoniana
  • Rearranjos balanceados - GRÁFICO
  • Heterozigoto por translocação recíproca formado após a quebra dos cromossomos não homólogos
  • Rearranjos balanceados- Inserção
  • DISTURBIOS DOS CROMOSSOMOS
  • Citogenética Clínica: Distúrbios dos autossomos e dos cromossomos sexuais
  • DISTÚRBIOS AUTOSSÔMICOS
  • SINDROME DE DOWN
  • SINDROME DE DOWN- Fenótipo
  • SINDROME DE DOWN- pré e pós-natal
  • Como ocorre a Síndrome de Down?
  • SINDROME DE DOWN - GRÁFICO
  • SINDROME DE DOWN- Mosaicismo
  • SÍNDROME DE EDWARDS
  • SINDROME DE EDWARDS-Características
  • Trissomia do 18 Síndrome de Edwards
  • Trissomia do 18 Síndrome de Edwards -EXEMPLO
  • Trissomia do 18 Síndrome de Edwards- GRÁFICO
  • Trissomia do 13 ou Síndrome de Patau
  • Trissomia do 13 ou Síndrome de Patau-Características
  • Citogenética Clínica: Distúrbios dos autossomos e dos cromossomos sexuais
  • SÍNDROME DO CRI DU CHAT
  • Anomalias dos cromossomos sexuais
  • A base cromossômica para determinação do sexo
  • A base cromossômica para determinação do sexo- casos raros
  • Síndrome de Klinefelter (47,XXY)
  • Síndrome de Klinefelter (47,XXY)-EXEMPLO
  • SÍNDROME DE KLINEFELTER
  • TRISSOMIA DO X (47,XXX)
  • TRETRASSOMIA DO X (47,XXXX)-Fenótipo
  • SÍNDROME DE TURNER (47,XO)
  • Pseudo-hermafroditismo Feminino
  • Pseudo-hermafroditismo Masculino
  • Pseudo-hermafroditismo Masculino- testosterona
  • Citogenética Clínica: Distúrbios dos autossomos e dos cromossomos sexuais