Curso Online de Metabolismo dos Carboidratos

Curso Online de Metabolismo dos Carboidratos

Explicando bem detalhadamente as vias oxidativas dos carboidratos

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 12 horas


Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Explicando bem detalhadamente as vias oxidativas dos carboidratos

Mestre em alimentos e nutrição. Especialista em nutrição clínica e esportiva, gerontologia e qualidade de vida e metodologia de ensino de biologia e química. Professor de ciências e biologia. Bacharel em bioquímica com ênfase no entendimento de ciências dos alimentos, fitoterapia, nutrição e ensino após cursar disciplinas eletivas referentes a estas áreas e fazer estágios no decorrer da graduação. No final de cada curso não há avaliação. Cursou, aprendeu bastante devido a meu compromisso de oferecer ensino de qualidade, não tem a preocupação e ansiedade em ser avaliado (a) um monte de conteúdos simultaneamente. No certificado é informado o número de dias em que o curso foi cursado e o tanto de horas que ele foi acessado, diante disto, não convém cursar muito rápido e em poucos dias.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • METABOLISMO DOS CARBOIDRATOS

    Bioquímico e professor de bioquímica MSc Walisson.

  • GLICÓLISE

  • A glicólise é uma via metabólica que tem por objetivo oxidar a glicose a fim de conseguir ATP. Nesse processo, a glicose é convertida em duas moléculas de piruvato.

  • Como os eritrócitos são desprovidos de mitocôndrias, o produto final da glicólise é o ácido láctico, que é liberado no sangue.

  • A glicólise é uma das etapas da respiração celular, processo responsável pela produção do ATP necessário para o organismo.

    A glicólise engloba cerca de dez reações químicas diferentes.
    Na glicólise ocorre a quebra da glicose em duas moléculas de ácido pirúvico (piruvato).
    A glicólise ocorre no citoplasma.
    O saldo positivo de ATP no final da glicólise é de duas moléculas.
    A glicólise é uma etapa anaeróbica.

  • Após a digestão, na corrente sanguínea, a glicose pode seguir três caminhos:

    gerar energia,

    armazenar energia na forma de glicogênio (presente nos músculos e no fígado),

    e quando consumido em excesso transformado em gordura e armazenado no tecido adiposo e em alguns casos nas vísceras.

  •  A falta ou a redução dos níveis da glicose sanguínea no jejum prolongado provoca a degradação dos tecidos musculares, com o objetivo de fornecer ao sangue aminoácidos que são substratos para a síntese de glicose (gliconeogênese) e corpos cetônicos (cetogênese).

  • Nos exercícios de alta intensidade, observa-se a preferência do organismo pelos carboidratos como substrato energético, em detrimento dos lipídios e das proteínas, pois os carboidratos apresentam a capacidade de produzir adenosina trifosfato (ATP) mais rapidamente, por meio de processos oxidativos.

  • Os níveis sanguíneos de glicose são mantidos dentro de uma faixa estreita, graças a diferentes vias metabólicas que são a síntese de glicose (gliconeogênese), armazenamento de glicose na forma de glicogênio (glicogênese), e pela oxidação deste monossacarídeo (glicólise e/ou via das pentoses-fosfato).

  • No momento em que uma molécula de glicose entra na célula e é fosforilada, ela permanece dentro da célula. A hexoquinase está presente em baixas concentrações em todos os tecidos extra-hepáticos e possui alta anidade (baixo Km) por seu substrato, a glicose. Sua função é permitir que a glicose seja utilizada pelos tecidos, mesmo quando os níveis de glicose no sangue estejam baixos.
    A função da glicoquinase é remover glicose do sangue após a alimentação. Ao contrário da hexoquinase, a glicoquinase tem um alto Km por glicose e opera em condições ótimas quando os níveis de glicose do sangue são elevados, sendo especíca para este tipo de açúcar.

  • https://image.slidesharecdn.com/aula2glicolise2014b-140717095645-phpapp02/95/aula-2-glicolise-2014b-30-638.jpg?cb=1405591144


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Glicólise
  • Glicólise - Fermentação
  • Ciclo de Krebs
  • Fosforilação oxidativa
  • Introdução ao Metabolismo do Glicogênio
  • Gliconeogêne