Curso Online de Alimentação do Paciente com Câncer de Mama

Curso Online de Alimentação do Paciente com Câncer de Mama

Alimentos para prevenção e coadjuvantes do tratamento do câncer de mama e alimentos que devem ser evitados.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Alimentos para prevenção e coadjuvantes do tratamento do câncer de mama e alimentos que devem ser evitados.

Graduada em Nutrição e cursando Especialização de Personal Diet e Atendimento Nutricional na Universidade Gama Filho.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • ALIMENTAÇÃO DO PACIENTE COM CÂNCER DE MAMA

    alimentação do paciente com câncer de mama

  • O que é o câncer de mama (CM)?

    é um tumor originado pela multiplicação desordenada de células “defeituosas”. quando essas células têm a capacidade de atingir órgãos adjacentes, o tumor é chamado de maligno.
    os tumores benignos não têm a capacidade de atingir outros órgãos e crescem de maneira lenta, atingindo um certo tamanho máximo. estes não são considerados câncer.

    o que é o câncer de mama (cm)?

  • Fatores de risco para o CM:

    aspectos ambientais

    fatores genéticos

    fatores dietéticos

    tabaco

    estresse / depressão

    fatores de risco para o cm:

  • Alimentação

    a gênese e multiplicação do câncer está diretamente relacionada aos hábitos alimentares.

    a quantidade de gorduras, carnes, produtos industrializados e ricos em aditivos químicos na alimentação parecem ter influência no acometimento do cm.

    alimentação

  • Alimentos funcionais

    ômega-3:

    o metabolismo de ácidos graxos poliinsaturados possuem efeito protetor sobre o risco de neoplasia mamária, inibindo o cm.

    ác. graxo linoléico conjugado:

    estudos definem que a atividade anticarcinogência se evidencia nas fases de iniciação, promoção e progressão da doença. esta atividade se deve à redução da proliferação celular, alterações dos componentes do ciclo celular, mediação na inibição da apoptose e modulação do sistema imune.

    alimentos funcionais

  • fibras:

    o consumo de frutas, vegetais e grãos integrais reduzem o risco de cm. um dos motivos é a redução de estrogênios bioativos no sangue, pois estes são excretados em maior quantidade.

    fitoquímicos:

    isoflavonas e lignanas. estes fitoestrógenos competem com os estrogênios por sítios de receptores estrogênicos presentes nas células mamárias. as isoflavonas também convertem o metabólito biologicamente ativo do estrogênio (16-α- hidroxiestrona) em um metabólito menos ativo (2-hidroxiestrona).

  • os isotiocianatos, encontrados nos vegetais crucíferos, inibem o metabolismo de vários carcinógenos que causam danos no dna.

    o dialilsulfeto, encontrado no alho, cebola e cebolinha estão envolvidos na capacidade de excreção de produtos carcinogênicos.

    as catequinas reduzem a incidência de certos tipos de câncer, reduzem o colesterol e estimulam o sistema imunológico. estão presentes no chá verde, cerejas, amoras, framboesas, mirtilo, uva roxa, vinho tinto.

  • vitaminas e minerais:

    vitaminas antioxidantes como a,c, e,folato e selênio. estes nutrientes oferecem defesa contra espécies reativas de oxigênio, os chamados “radicais livres”. também agem na regulação da diferenciação celular.
    a luteína e o α-caroteno, precursoresda vitamina a, inibem a tividade do citocromo p450, um ativador de pró-carcinogenes. o licopeno também é um poderoso antioxidante.

  • aloe vera:

    tem sido estudada como potente alimento funcional de ação preventiva e reversiva dos quadros de câncer. seu extrato porém, não deve ser consumido indiscriminadamente e nem de forma caseira.

    possui capacidade de quebrar a capa das proteínas das células cancerosas, proteger a medula das drogas farmacológicas, promover o encapsulamento dos tecidos cancerosos e deixá-los morrer por inanição, fazendo com que o procedimento cirúrgico de remoção do tumor seja facilitado.

  • para pacientes que realizam quimioterapia e radioterapia, ela é capaz de neutralizar os radicais livres, aliviar o mal-estar decorrente dos efeitos colaterais dessas terapia, promover a rápida eliminação das células mortas modulando a ação do sistema imunológico e gerando uma maior mobilidade da linfa.

    garantir a integridade da mucosa gastrointestinal e, conseqüentemente, do terreno que determina a sobrevivência e multiplicação da flora intestinal simbiótica.

    diminuir a queda dos cabelos e a possibilidade de se desenvolver uma anemia.

  • Alimentos que devem ser evitados

    carnes vermelhas e gordurosas

    produtos industrializados, embutidos, ricos em sódio e aditivos químicos como salame, salsicha, linguiças, motadelas, enlatados, etc.

    frituras, alimentos muito calóricos como batata frita e salgadihos.

    alimentos que devem ser evitados


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • ALIMENTAÇÃO DO PACIENTE COM CÂNCER DE MAMA
  • O que é o câncer de mama (CM)?
  • Fatores de risco para o CM:
  • Alimentação
  • Alimentos funcionais
  • Alimentos que devem ser evitados
  • Alimentos recomendados
  • Dicas para sua alimentação
  • OBRIGADA!