Curso Online de ESTERILIDADE INFERTILIDADE CONJUGAL

Curso Online de ESTERILIDADE INFERTILIDADE CONJUGAL

ESTE CURSO FOI FEITO PARA OS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM, NO INTUITO DE APRIMORAR SEUS CONHECIMENTOS CIENTÍFICOS.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

ESTE CURSO FOI FEITO PARA OS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM, NO INTUITO DE APRIMORAR SEUS CONHECIMENTOS CIENTÍFICOS.

GRADUADA EM BACHAREL EM ENFERMAGEM- UNIABEU-RIO,CONCLUSÃO 2008.PÓS-GRADUADA EM ENFERMAGEM OBSTÉTRICA-(UERJ)-RIO,CONCLUSÃO EM 2010.ATUAL: CURSANDO ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM NEONATOLOGIA-UNIVERSIDADE SEVERINO SOMBRA-(USS)CLÍNICA PERINATAL LARANJEIRAS-RIO,CONCLUSÃO EM JUNHO 2012.SUPERVISORA DE ENFERMAGEM NO SETOR UTI NEONATAL DO HOSPITAL PASTEUR E SUPERVISORA DE ENFERMAGEM NO SETOR CTI PEDIÁTRICO DO HOSPITAL INCA E URGÊNCIA PEDIÁTRICA DE NOVA IGUAÇU(UPNI).



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • ESTERILIDADE INFERTILIDADE CONJUGAL

    esterilidade infertilidade conjugal

    enf.ª esp. kátia carvalho de souza pereira

  • Esterilidade

    a esterilização é um método contraceptivo cirúrgico, definitivo.

    esterilidade

  • Métodos de Esterilidade

    mulher: laqueadura ou ligadura tubária
    evita a fecundação mediante impedimento do encontro dos gametas, devido à obstrução das trompas.

    homem: vasectomia
    impede a presença dos espermatozóides no sêmen ejaculado, por meio da obstrução dos canais deferentes

    métodos de esterilidade

  • Conduta Profissional para Esterilidade

    avaliar se o indivíduo atende as condições legais para realização da anticoncepção cirúrgica.
    a esterilização precoce deve ser bem pensada. devemos ressaltar a existência de métodos reversíveis com eficácia similar devido a alta incidência de arrependimentos e pedido de reversão, quando realizada em pessoas menores de 30 anos.
    a mulher e o homem devem ser orientados para o uso de preservativos de forma a reduzir o risco de infecção pelo hiv e outras doenças sexualmente transmissíveis.

    conduta profissional para esterilidade

  • lei 9.263/1996
    planejamento familiar

    art. 10. somente é permitida a esterilização voluntária nas
    seguintes situações:
    i - em homens e mulheres com capacidade civil plena e maiores de vinte e cinco anos de idade ou, pelo menos, com dois filhos vivos, desde que observado o prazo mínimo de sessenta dias entre a manifestação da vontade e o ato cirúrgico, período no qual será propiciado à pessoa interessada, acesso a serviço de regulação da fecundidade, incluindo aconselhamento por equipe multidisciplinar, visando desencorajar a esterilização precoce;
    ii - risco à vida ou à saúde da mulher ou do futuro concepto, testemunhado em relatório escrito e assinado por dois médicos.

  • portaria 48 (11/02/1999)

    é vedada a esterilização cirúrgica em mulher durante períodos de parto, aborto ou até o 42o dia do pós-parto ou aborto, exceto nos casos de comprovada necessidade, por cesarianas sucessivas anteriores, ou quando a mulher for portadora de doença de base e a exposição a segundo ato cirúrgico ou anestésico representar maior risco para sua saúde.

    neste caso, a indicação deverá ser testemunhada em relatório escrito e assinado por dois médicos.

  • A infertilidade se define como a incapacidade para conceber depois de um ano de relações sexuais, sem proteção (depois de 6 meses se a mulher tiver mais de 35 anos), ou como a incapacidade de levar adiante uma gravidez até o nascimento de um bebê vivo.

    .

    a infertilidade se define como a incapacidade para conceber depois de um ano de relações sexuais, sem proteção (depois de 6 meses se a mulher tiver mais de 35 anos), ou como a incapacidade de levar adiante uma gravidez até o nascimento de um bebê vivo.

    incidência: 3 a 5% dos casais podendo aumentar para 10 a 15% por fatores adquiridos.

    infertilidade conjugal

  • Porque a gravidez não acontece?

    existe problema de ovulação?
    existem problemas de espermatozóides?
    o óvulo pode unir-se ao espermatozóide?
    a implantação pode ocorrer e ser mantida?

    porque a gravidez não acontece?

  • Tipos de infertilidade

    a infertilidade primária, se define como a dificuldade de conceber, para um casal que nunca teve um bebê.
    a infertilidade secundária se refere a dificuldade de conceber, em um casal, quando uma das partes já teve um bebê previamente.

    tipos de infertilidade

  • Causas para Infertilidade

    fatores femininos:

    causas para infertilidade

    ovulação anormal;
    distrofias tuboperitoneias, lesões tubárias,sequelas de cirurgias pélvicas e anexiais prévias;
    endometriose;
    alterações no muco cervical;
    malformações do corpo uterino;
    dsts;
    aderências e alterações bioquímicas e imunológicas da cavidade peritoneal;
    infecção genital: pós-parto e pós-aborto;
    distúrbios hormonais.

  • Causas para Infertilidade

    fatores masculinos

    causas para infertilidade

    varicocele;
    fator hormonal;
    fator imunológico;
    azoospermia, oligoospermia;
    infecção e inflamação das glândulas anexas;
    exposição a níveis elevados de pesticidas e poluentes ambientais;
    exposição ocupacional ao calor extremo;
    uso de álcool, café, substâncias psicoativas e tabagismo intenso.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • ESTERILIDADE INFERTILIDADE CONJUGAL
  • Esterilidade
  • Métodos de Esterilidade
  • Conduta Profissional para Esterilidade
  • A infertilidade se define como a incapacidade para conceber depois de um ano de relações sexuais, sem proteção (depois de 6 meses se a mulher tiver mais de 35 anos), ou como a incapacidade de levar adiante uma gravidez até o nascimento de um bebê vivo.
  • Porque a gravidez não acontece?
  • Tipos de infertilidade
  • Causas para Infertilidade
  • Conduta Profissional para Infertilidade
  • Exames de investigação complementares:
  • Prevenção da Infertilidade
  • Tratamento
  • Tratamento Indução Ovulatória
  • Tratamento Reprodução Assistida
  • Fecundação In Vitro (FIV)
  • Injecção Intra-citoplasmática do Espermatozóide no oócito (ICSI) A técnica de ICSI é um método utilizado com muito sucesso nos casos de fator masculino
  • A Inseminação Intra-uterina (IIU)
  • Aspectos Emocionais da Infertilidade Conjugal
  • Esterilidade de quem? só "dele" ou só "dela"
  • Útero de substituição “Meu filho é meu sobrinho”
  • Casais soropositivos Casais sorodiscordantes “Eu nunca escolhi não ter filhos”
  • Embriões Congelados embriões “órfãos”
  • Gravidez autônoma na onda “hi-tech”
  • Onde começa a vida?
  • Referências: