Curso Online de MALARIA
4 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de MALARIA

Malária é uma doença prevalente nos países de clima tropical e subtropical. Também conhecida como sezão, paludismo, maleita, febre t...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Malária é uma doença prevalente nos países de clima tropical e subtropical. Também conhecida como sezão, paludismo, maleita, febre terçã e febre quartã, o vetor da doença é o anofelino (Anopheles), um mosquito parecido com o pernilongo que pica as pessoas, principalmente ao entardecer e à noite. O ciclo da malária humana é homem-anofelino-homem. Geralmente é a fêmea que ataca porque precisa de sangue para garantir o amadurecimento e a postura dos ovos. Depois de picar um indivíduo infectado, o parasita desenvolve parte de seu ciclo no mosquito e, quando alcança as glândulas salivares do inseto, está pronto para ser transmitido para outra pessoa. A Amazônia é a região do Brasil onde ocorrem 98% dos casos de malária.

Produziu cursos na área de Instrumentação Cirúrgica, onde é formado desde 2003. Autor de mais de 100 cursos na área da saúde onde atuou por mais de 10 anos na enfermagem onde é formado desde 2004. Também produziu aproximadamente 200 cursos na área da educação (Geografia e História principalmente) onde cursou Licenciatura em História de 2009 a 2013. Autor também de alguns cursos de Administração onde cursa atualmente o 3º semestre em Administração e Gestão pela IERGS em Porto Alegre - RS. Pós-Graduado em História do Brasil pela PROMINAS.


"Muito bom,porque mostra todas as explicações necessárias."

- Augusto Fernando Souza De Oliveira

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • MALARIA

    MALARIA

    Paludismo ou febre palustre

  • Características Gerais da Malária

    Agente Etiológico:
    filo: Apicomplexa – família: Plasmodiidae, gênero: Plasmodium
    Plasmodium falciparum
    Plasmodim vivax
    Plasmodium malarie
    Plasmodium ovale

    Hospedeiro:
    - Vertebrado (homem)
    - Invertebrado (inseto - Anopheles)

  • Transmissão

    Picada do mosquito do gênero Anopheles

    OUTRAS:
    transfusão de sangue.
    compartilhamento de seringas.
    infecção congênita.

  • EPIDEMIOLOGIA DA MALARIA

    Endêmica em 101 países;
    > 300 milhões de casos / ano;
    > 1 milhão de mortes por ano;
    200 crianças morrem a cada hora (infectadas pelo Plasmodium falciparum)

    Fonte:WHO

  • EPIDEMIOLOGIA DA MALARIA NO BRASIL

    300 a 500 mil mortes / ano;
    > 99% casos - Amazônia;
    > Estados com maior número de casos: Pará e Amazonas;
    Plasmodium vivax – espécie mais prevalente (>80% dos casos).

    Destaca-se o trabalho de Carlos Chagas sobre Malaria e todos os seus esforços para diminuir os focos da doença no país e conter o seu avanço.

    No Brasil, as décadas de 1930 e 1940 forma marcadas pelo surgimento de estruturas sanitárias e campanhas de combate à malária. Em 1941 o governo brasileiro criou o Serviço Nacional de Malária com ações de erradicação do mosquito e tratamento dos doentes

  • CAMPANHA MUNDIAL CONTRA MALARIA - WHO

    DDT contra o Anopheles

    Cloroquina contra o Plasmodium

  • CICLO DE VIDA NO HOMEM

  • Esporozoítos
    30-60’

    Trofozoítos nos hepatócitos

    merozoítos

    Reprod.assexuada

    Circulação sanguínea

    Invasão de eritrócitos

    Ciclo de 48hs

    Diferenciação em estágios sexuados -gametócitos

    feminino

    masculino

    Microgametas (8)

    macrogameta

    Ciclo sexuado

    Fecundação

    oocineto

    oocisto

    esporozoítos

    CICLO DE VIDA NO VETOR

  • SINTOMAS DA MALÁRIA
    (10-16 dias apos a infecção)

    ANÓXIA (ANEMIA)

    FEBRE – Pigmentos maláricos e pirógenos endógenos

    ACESSO MALÁRICO (calafrio, calor e suor) – coincide com a ruptura das hemáceas
    (a cada 3 dia para P. malariae e 2 dias para P. Falciparum, P. vivax e P.ovale)

  • QUADRO CLÍNICO

    fase sintomática inicial: mal-estar, cefaléia, cansaço, febre

    ataque paroxístico agudo (acesso malárico): coincidente com a ruptura das hemácias (liberação de merozoítos), é geralmente acompanhado de calafrios e sudorese – 15’ a 60’ – fase febril (40 graus) – 2 a 6 horas depois - melhora

    FASE AGUDA:

  • Após a fase inicial, a febre assume um caráter intermitente, relacionado ao tempo de ruptura de hemácias – A periodicidade está na dependência do tempo de duração dos ciclos eritrocíticos – 48 horas para P. falciparum

    QUADRO CLÍNICO


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • MALARIA