Curso Online de Traumatologia e Medicina Legal

Curso Online de Traumatologia e Medicina Legal

Aula de Traumatologia, medicina legal, legislações e cuidados de enfermagem

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 8 horas

De: R$ 100,00 Por: R$ 65,00
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Aula de Traumatologia, medicina legal, legislações e cuidados de enfermagem

Graduada na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo com conclusão em 2006.Pós graduada em oncologia, licenciatura em saúde, urgência e emergência, Saúde Publica e Terapia Intensiva



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • ATP/2001

    1

  • MEDICINA LEGAL

    ATP/2001

    2

    Definição:
    Divisão:
    Clínica (vivos)
    Patológica (mortos)
    Laboratorial (exames complementares)
    Documental (atual ou retrospectiva)
    Fichas de atendimento médico-hospitalar;
    Atestados e Relatórios médicos;
    Depoimentos e Oitivas.
    Finalidades: realizar perícias:
    Explicativa: diagnostica as lesões;
    Normativa: criminalização x descriminalização
    Ética: propõe condutas e códigos de atuação
    Deontológica comportamento profissional
    Documentos Médico-Legais:
    Escrito: Atestados, Laudos, Pareceres e Cotas.
    Ditado: Autos
    Oral: Depoimento oral (quando requisitado em juizo)

    MEDICINA LEGAL

  • TRAUMATOLOGIA

    ATP/2001

    3

    TRAUMATOLOGIA

    Definição:
    Parte da Medicina legal que estuda as lesões corporais e as suas conseqüências.
    Conceito:
    Define qualquer dano provocado pelos diversos agentes lesivos que atingem e alteram a normalidade e/ou a homeostase do corpo humano, quer sob o aspecto morfológico, fisiológico ou psicológico.
    Enquadramento:
    Incluso no Capítulo II do Título I (Dos Crimes Contra a Pessoa) da Parte Especial do Código Penal (Decreto-lei nº 2.848 de 07 de dezembro de 1940):

  • LESÃO CORPORAL Código Penal - Artigo 129

    ATP/2001

    4

    LESÃO CORPORAL Código Penal - Artigo 129

    Caput: “Ofender a integridade corporal ou a saúde de outrem”. Pena: detenção de 3 (três) meses a 1(um) ano
    § 1º: Se resulta: (LC grave) - Pena: Reclusão de 1 (um) a 5 (cinco) anos.
    § 2º: Se resulta: (LC gravísima) - Pena: Reclusão de 2 (dois) a 8 (oito) anos.
    § 3º: Se resulta: (preterdolo): Morte.E as circunstancias evidenciam que o agente não quis o resultado, nem assumiu o risco de produzi-lo. (LC. seguida de morte): Pena: - Reclusão de 4 (quatro) a 12 (doze)anos.
    § 6º: Imprudência, Imperícia, Negligência (Lesão Culposa) - Pena: Detenção de 2 (dois) meses a 1 (um ) ano
    OBS: Quando não enquadra: lesão leve (caput).

  • ATP/2001

    5

  • ATP/2001

    6

  • ATP/2001

    7

  • ATP/2001

    8

  • ATP/2001

    9

  • LESÃO CORPORAL : Classificação

    ATP/2001

    10

    LESÃO CORPORAL : Classificação

    Objetividade: Eficaz ou Ineficaz;
    Permanência Fugaz, Temporárias: Permanentes (cicatrizes ou seqüelas);
    Momento da Observação: Recentes ou Antigas (não recentes);
    Quanto ao momento da ocorrência: Intra-vitam (vital positiva) ou Post-mortem (vital negativa);
    Número: Única (ou isolada) ou Múltiplas (quantidade ou qualidade);
    Trajeto: Simples (único) Múltiplo (radial ou fragmentado);
    Plano atingido: Superficial, Profunda, Cavitária ou Transfixante;
    Capacidade Lesiva: Mortal ou Não-mortal;
    Resultado: Reconstrução (Restitutio ad integrum), Cicatriz ou Seqüela;
    Intenção: Voluntária (dolosas), Involuntárias (culposas), Preterdolosa;
    (*) Não esquecer das autolesões (voluntárias).

  • AGENTES AGRESSIVOS

    ATP/2001

    11

    São aqueles capazes de lesar a integridade ou a saúde do agredido e também se definem como as “energias vulnerantes”.
    Classificação
    Origem: Externo ou Internos;
    Modo de ação: Ativo (instrumento), Passivo (corpos) ou Misto (agente);
    Atuação: contato direto sobre a superfície atingida e atuam por pressão, deslizamento ou por essas combinações.
    Simples: perfurantes, cortantes, contundentes;
    Misto: pérfuro-contundente, pérfuro-cortante, corto-contundente.
    Quanto a Energia:
    Mecanica, Química, Física, Biológica, Mista.

    AGENTES AGRESSIVOS


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 65,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • MEDICINA LEGAL
  • TRAUMATOLOGIA
  • LESÃO CORPORAL Código Penal - Artigo 129
  • LESÃO CORPORAL : Classificação
  • AGENTES AGRESSIVOS
  • AGENTES LESIVOS MECANICOS
  • AGENTES PERFURANTES
  • AGENTES CORTANTES
  • AGENTES CORTANTES: Características
  • AGENTES CONTUNDENTES
  • AGENTE CONTUNDENTE Lesão Interna
  • AGENTE PÉRFURO-CORTANTE
  • AGENTE CORTO-CONTUNDENTE
  • AGENTE PÉRFURO-CONTUNDENTE
  • AGENTE PERFURO-CONTUDENTE Critérios de Estudo
  • DIAGRAMA DO TIRO
  • DIAGRAMA DO TIRO - II
  • DISTÂNCIA DO TIRO Tiro encostado
  • DISTÂNCIA DE TIRO Tiro a queima-roupa (curta distância)
  • DISTÂNCIA DE TIRO Tiro a Distância
  • ORIFÍCIO DE SAÍDA
  • TRAJETO
  • QUESTÃO MÉDICO-LEGAL Homicídio ou Suicídio ?