Curso Online de Metabolismo

Curso Online de Metabolismo

Metabolismo explicado com teoria e exercícios e bastante imagens, tudo para facilitar a melhor aprendizagem da bioquímica metabólica.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 30 horas


Por: R$ 27,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Metabolismo explicado com teoria e exercícios e bastante imagens, tudo para facilitar a melhor aprendizagem da bioquímica metabólica.

Mestre em alimentos e nutrição. Especialista em nutrição clínica e esportiva, gerontologia e qualidade de vida e metodologia de ensino de biologia e química. Professor de ciências e biologia. Bacharel em bioquímica com ênfase no entendimento de ciências dos alimentos, fitoterapia, nutrição e ensino após cursar disciplinas eletivas referentes a estas áreas e fazer estágios no decorrer da graduação. No final de cada curso não há avaliação. Cursou, aprendeu bastante devido a meu compromisso de oferecer ensino de qualidade, não tem a preocupação e ansiedade em ser avaliado (a) um monte de conteúdos simultaneamente. No certificado é informado o número de dias em que o curso foi cursado e o tanto de horas que ele foi acessado, diante disto, não convém cursar muito rápido e em poucos dias.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Metabolismo

  • Metabolismo Lipídico

  • LIPOPROTEÍNAS

    As lipoproteínas são partículas que transportam lipídios apolares em seu núcleo. Estes complexos são constituídos por quantidades variáveis de colesterol e seus ésteres, triglicerídios, fosfolipídios e apoproteínas, sendo solúveis no plasma devido à natureza hidrofílica da parte protéica.

  • As lipoproteínas plasmáticas podem ser classificadas de acordo com a sua densidade; por ordem decrescente temos as HDL (lipoproteínas de alta densidade; 30-60% proteínas; 1,06 -1,13 de densidade), as LDL (lipoproteínas de baixa densidade), as IDL (lipoproteínas de densidade intermédia), as VLDL (lipoproteínas de muito baixa densidade) e os quilomicra (1-2% proteínas; <0,95 de densidade). Quanto maior é a percentagem de proteínas e menor a de triacilgliceróis maior é a sua densidade.

  • FUNÇÕES DAS LIPOPROTEÍNAS

  • http://www2.uah.es/biomodel/model2/lip/fig/lipoprot-papel.png

  • TRANSPORTE DE LIPÍDIOS

    Os lipídios da alimentação são transportados pelos quilomícrons e os provenientes da síntese hepática são transportados pelas demais lipoproteínas.

    A diferença básica entre cada lipoproteína diz respeito à quantidade de lipídios e proteínas na molécula, aumentando a densidade quanto maior a quantidade de proteínas presente em sua composição.

  • O transporte de lipídios no organismo é descrito em duas vias metabólicas, a exógena e a endógena.

    A via exógena corresponde ao transporte de lipídios da dieta do intestino para o fígado e a via endógena corresponde ao transporte das lipoproteínas sintetizadas nos hepatócitos para os tecidos periféricos.

  • Os triglicerídeos são transportados a partir do intestino nos quilomícrons e a partir do fígado nas VLDLs (via exógena). Os ácidos graxos livres são transportados ligados a albumina. A LDL transporta colesterol para os tecidos extra-hepáticos (TEH) e a HDL faz o inverso, ou seja, transporta o colesterol dos TEH para o fígado (via endógena).


    Se tiver excesso de LDL na circulação, estas ficam mais sujeitas a modificações, sendo captadas e acumuladas nos macrófagos presentes nas paredes arteriais, estimulando a aterosclerose.

  • COLESTEROL

    O colesterol modula a fluidez das membranas dos eucariontes, é o precursor dos hormônios esteróides, tais como progesterona, testosterona, estradiol e cortisol, da vitamina D e dos ácidos biliares.
    O colesterol é secretado na bile como ácido biliar ou como colesterol livre até a saturação do sistema enzimático de síntese de ácidos biliares, levando a necessidade da exportação do colesterol em excesso para os tecidos extra-hepáticos.

  •  
    O destino desse colesterol, entretanto, está assegurado em todas as células do organismo, devido à existência de receptores para LDL.

    A captação de colesterol, entretanto, ocorre, preferencialmente, nas células de tecidos que possuam grande necessidade de colesterol para a síntese de membrana celular devido a grande produção de células (medula óssea, testículos, tecido epitelial) ou para a produção de hormônios derivados do colesterol (gônadas e supra-renais).


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 27,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Metabolismo Lipídico
  • Lipoproteínas
  • Beta oxidação
  • Formação de corpos cetônicos
  • Biossíntese de ácidos graxos
  • Metabolismo dos Carboidratos
  • Glicólise
  • Fermentação
  • Glicogênese
  • Ciclo de Krebs
  • Cadeia transportadora de elétrons
  • Fosforilação oxidativa
  • Gliconeogênese
  • Metabolismo dos Aminoácidos
  • Desaminação
  • Transaminação
  • Ciclo da ureia
  • Integração do Metabolismo