Curso Online de SUPLEMENTAÇÃO ESPORTIVA
3 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de SUPLEMENTAÇÃO ESPORTIVA

SUPLEMENTAÇÃO NO ESPORTE

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

Por: R$ 20,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

SUPLEMENTAÇÃO NO ESPORTE

Empresa oferecedora de cursos em todas as áreas profissionais. Conta com profissionais qualificados no ensino.


"Focou muito nos repositores como por exemplo gatorade etc"

- Carlos Rafael Araújo Silva

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • NUTRIÇÃO E SUPLEMENTAÇÃO NO ESPORTE

    nutrição e suplementação no esporte

  • NUTRIÇÃO É a ciência que estuda os alimentos e sua relação com a saúde. É tudo que acontece no nosso organismo depois que comemos os alimentos. ALIMENTO É o material que o organismo recebe para satisfazer as necessidades de manutenção, crescimento, trabalho e renovação dos tecidos. NUTRIENTES São substâncias formadoras dos alimentos, tem funções específicas e atuam em conjunto. São: proteína, gorduras ou lipídios, hidrato de carbono ou glicídios, vitaminas, sais minerais, água.

    nutrição é a ciência que estuda os alimentos e sua relação com a saúde. é tudo que acontece no nosso organismo depois que comemos os alimentos. alimento é o material que o organismo recebe para satisfazer as necessidades de manutenção, crescimento, trabalho e renovação dos tecidos. nutrientes são substâncias formadoras dos alimentos, tem funções específicas e atuam em conjunto. são: proteína, gorduras ou lipídios, hidrato de carbono ou glicídios, vitaminas, sais minerais, água.

    coma bem e viva melhor!!!
    precisamos saber:
    o que comer;
    o quanto comer;
    a disponibilidade de alimento em função da região e da época;
    a combinação apropriada dos alimentos (consumir um item de cada grupo).

  • PIRÂMIDE DOS ALIMENTOS

    pirâmide dos alimentos

    a pirâmide dos alimentos é composta de 5 grupos de alimentos, denominados, da base para o topo:
    energéticos
    glicídios e lipídios; substâncias para fornecer calor e energia;
    é a base da pirâmide: 1 - grupo do pão, cereal, arroz e massa (6 à 11 porções).
    reguladores
    vitaminas e sais minerais; substâncias para regular e proteger o organismo;
    2 - grupo dos vegetais (3 à 5 porções) e 3 -grupo das frutas (2 à 4 porções).
    construtores
    proteínas;substâncias para formação do corpo;
    4 – grupo do leite, iogurte e queijo (2 à 3 porções) e
    5 – grupo das carnes, aves, peixes, ovos, feijões e nozes (2 à 3 porções).
    uso esporádico
    a ponta da pirâmide dos alimentos não é considerada um grupo, pois é composta de alimentos que provêem calorias, porém poucos nutrientes (gorduras, óleos e açúcares).

    1

    2

    3

    4

    5

  • a pirâmide dos alimentos ilustra alguns conceitos importantes, como:
    variedade: “consuma uma variedade de alimentos dentro e entre os grupos alimentares”.
    moderação: “consuma porções de alimentos nas quantidades recomendadas. escolha uma dieta pobre em gordura total, gordura saturada e colesterol. use açúcar com moderação”.
    proporcionalidade: “consuma mais alimentos dos grupos maiores e menos dos grupos menores”.
    “ é importante também lembrar que numa alimentação equilibrada, o consumo de água é fundamental, deve ser de no mínimo dois litros de líquidos por dia”.

  • Suplementos Nutricionais

    suplementos nutricionais

  • q  proteína
    existe um mito entre os praticantes de musculação de que é necessário exagerar na quantidade de proteína. e dá-lhe suplemento desse nutriente ou de aminoácido.
    porém vale passar por uma avaliação nutricional, para ver se há necessidades de suplementação. se exagerar, pode sobrecarregar os rins, comprometer o fígado e até transformar o excesso de proteína em gordura.
     

  • q  creatina
    substância naturalmente produzida pelo fígado, rins e pâncreas, ela também está na carne e funciona como um comboio químico que leva aos músculos o combustível de que eles mais precisam quando executam movimentos de velocidade e explosão.
    mas uma suplementação de creatina não é necessária para todo mundo que pratica atividades intensas, pois o próprio organismo já o produz. a creatina pode ajudar no aumento de massa muscular. uma suplementação favorece a entrada de líquidos no músculo e, assim ele cresce. porém, se o uso for suspenso o efeito logo desaparece.

  • q             fat burner
    esse tipo de suplemento, elaborado à base de aminoácidos como a l-carnitina, tem fama de emagrecedor, pois atuaria na queima da gordura localizada. na verdade a l-carnitina já é produzida pelo fígado e pelos rins, tendo a função de facilitar a entrada de gordura nas células para ser queimada e produzir energia. na teoria esse suplemento aceleraria o consumo de gordura, e na prática ajuda a levar gordura para o interior da célula, mas há um limite para a queima e a l-carnitina não tem a propriedade de acelerar o processo.

  • q  carboidratos
    os suplementos desse nutriente costumam ser elaborados à base de maltodextrina, um derivado do milho ou da mandioca que fornece energia aos poucos, sem risco de hiperglicemia.
    suplementos de carboidrato, em forma de gel ou líquido, podem ser úteis durante o esforço muscular. eles ajudam a manter o pique e não deixam a performance cair e também costumam dar uma força.
    o melhor é conseguir esse nutriente através de alimentos, não é bom abusar de suplementos, pois, o exagero provoca aumento de gordura e quilos a mais.
     

     
     
     
     
     

  • o ideal é que exista uma equipe multidisciplinar (nutricionista, médico e treinador físico) no momento da escolha da suplementação a ser utilizada e, principalmente, analisar se ela é realmente necessária. nunca esquecendo que acima de tudo deve existir uma dieta bem balanceada.

  • NUTRIÇÃO PRÉ-ATIVIDADE FÍSICA

    nutrição pré-atividade física

    o que você come antes de treinar tem as seguintes funções:
    ajuda a prevenir a hipoglicemia e seus sintomas ( tonturas, fadiga, visão borrada, indecisão) que podem prejudicar o desempenho.
    forrar o estômago, diminuir os sucos gástricos e reduzir a fome.
    servir de combustível para os músculos, aqui é importante a comida que é ingerido bem próximo de horário de competição.
    acalmar seu organismo para que se sinta abastecido.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 20,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • NUTRIÇÃO E SUPLEMENTAÇÃO NO ESPORTE
  • NUTRIÇÃO É a ciência que estuda os alimentos e sua relação com a saúde. É tudo que acontece no nosso organismo depois que comemos os alimentos. ALIMENTO É o material que o organismo recebe para satisfazer as necessidades de manutenção, crescimento, trabalho e renovação dos tecidos. NUTRIENTES São substâncias formadoras dos alimentos, tem funções específicas e atuam em conjunto. São: proteína, gorduras ou lipídios, hidrato de carbono ou glicídios, vitaminas, sais minerais, água.
  • PIRÂMIDE DOS ALIMENTOS
  • Suplementos Nutricionais
  • NUTRIÇÃO PRÉ-ATIVIDADE FÍSICA