Curso Online de Saúde do Idoso

Curso Online de Saúde do Idoso

Melhor qualidade de vida na terceira idade.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 30 horas


Por: R$ 24,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Melhor qualidade de vida na terceira idade.

Mestre em alimentos e nutrição. Professor de ciência dos alimentos, biologia, química, ciências e bioquímica. Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1141431817967324. Pesquisador de qualidade de vida, alimentação saudável e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis. Especialista em nutrição clínica e esportiva; gerontologia e qualidade de vida. Estudo intensamente nutrição, alimentos, saúde e gerontologia, dentre outras áreas. Nestes cursos transmito informações preciosas e atualizadas sobre alimentação e saúde com total credibilidade e clareza após estudar intensamente cada conteúdo.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Saúde do Idoso

  • O Brasil passa por um rápido e intenso processo de envelhecimento da sua população. De acordo com dados do IBGE, a expectativa de vida ao nascer dos brasileiros tem aumentado progressivamente e, em 2016, alcançou uma média de 75,72 anos. Em torno de 29 milhões de brasileiros têm 60 anos ou mais, o que equivale a 14,3% da população total (IBGE, 2015) e as projeções apontam que, em 2030, o número de idosos superará o de crianças e adolescentes de 0 a 14 anos em cerca de 2,28 milhões. Em 2050, a população idosa representará cerca de 30% da população brasileira, enquanto as crianças, 14%.

  • Como manter a independência e a vida com o envelhecimento?

    Como fortalecer políticas de prevenção e promoção da saúde, especialmente aquelas voltadas para os idosos?

    Como manter e/ou melhorar a qualidade de vida com o envelhecimento?

  • Nas últimas décadas, o movimento com relação aos idosos propiciou um comércio que vem ganhando espaço nas prateleiras e na vida desse público. O velho busca renovar a sua imagem diante da sociedade, melhorando a forma física, adquirindo produtos que prometem rejuvenescer ou utilizando suplementos vitamínicos que podem possibilitar mais energia e disposição. Não há como medir, nem comparar as velhices. Cada um a encara de maneira distinta e as escolhas sobre como ser velho devem partir do próprio idoso.

  • À medida que envelhece, a população passa a apresentar um perfil epidemiológico diferenciado, caracterizado pelo aumento progressivo da prevalência de doenças crônicas não transmissíveis, como diabetes, doença arterial coronariana e doença pulmonar obstrutiva, entre outras, do qual decorre a crescente demanda por cuidados de longa duração.

  • O envelhecimento é uma condição natural da espécie humana, sendo dinâmico e progressivo, no qual, são evidenciadas mudanças, tais como um acentuado declínio da natalidade, e simultaneamente, uma redução da mortalidade e do aumento da longevidade, oriundo dos avanços nos cuidados em saúde

  • Segundo O Relatório Mundial sobre Envelhecimento e Saúde da OMS, o envelhecimento saudável seria “o processo de desenvolvimento e manutenção da capacidade funcional que permite o bem-estar na idade avançada”, caracterizado pela interação dos recursos físicos e mentais do próprio indivíduo (capacidade intrínseca) e dos recursos ambientais aos quais o indivíduo está inserido (capacidade extrínseca).

    Dessa maneira, o idoso é considerado saudável quando é capaz de realizar atividades sozinho, de maneira independente e autônoma, mesmo que tenha doenças. Ou seja, saudável é o idoso cuja funcionalidade está preservada.

  • Assim, é muito importante, que norteará todo o nosso raciocínio clínico em relação ao cuidado da pessoa idosa: a saúde do idoso está diretamente relacionada a sua FUNCIONALIDADE.

  • Durante muitos anos, o estudo da gerontologia foi negligenciado, mas atualmente vários pesquisadores vêm trabalhando nessa área de pesquisa, que é extremamente complexa, mas que se expandiu em todo o mundo em razão do aumento do envelhecimento populacional.

  • Atualmente, as pessoas com mais de 65 anos representam mais de 13% da população americana. Isso se deve, em parte, ao aumento da expectativa de vida. Esta, para a maior parcela dos americanos, aumentou consequente à evolução no controle das doenças e na tecnologia da saúde, a uma menor taxa de mortalidade de bebês e de crianças e às melhorias nas condições sanitárias e de vida. Mais pessoas têm chegado à velhice agora do que em épocas anteriores. Em 1930, pouco mais de seis milhões chegaram aos 65 anos ou além, e a média da expectativa de vida era de 59,7 anos. Em 1965, a expectativa de vida era de 70,2, com a população idosa ultrapassando os 20 milhões. A expectativa de vida hoje está em 78,2, com mais de 34 milhões de pessoas acima de 65 anos. Além de cada vez mais indivíduos chegarem à velhice, estes vivem ainda mais anos do que antes; a quantidade de pessoas com 70 e 80 anos de idade tem aumentado de forma sistemática, e espera-se que continue a aumentar. Projeta-se que a população com mais de 85 anos duplicará por volta de 2036 e triplicará por volta de 2049. A longevidade, atualmente, é de 122 anos para os seres humanos.

  • As diversas síndromes geriátricas e a dependência funcional, frequentes na população idosa, exigem preparo e a capacitação da equipe de saúde, para que as ações sejam capazes de fornecer aos que recebem atendimento domiciliar um envelhecimento digno e a alta qualidade de vida.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • ATIVIDADE DE VIDA DIÁRIA
  • AMENIZAÇÃO DO ENVELHECIMENTO CUTÂNEO
  • ENVELHECIMENTO CUTÂNEO
  • RADICAIS LIVRES E ANTIOXIDANTES
  • ÁCIDO LIPÓICO
  • VITAMINA E
  • CAROTENOIDES
  • FLAVONOIDES
  • ZINCO
  • VITAMINA C
  • VITAMINA A
  • NUTRICOSMÉTICOS
  • ANTIOXIDANTES E PELE
  • ALIMENTAÇÃO E CÉREBRO SAUDÁVEL
  • ALIMENTOS FUNCIONAIS E NEUROPROTEÇÃO
  • DIETA E PREVENÇÃO OU TRATAMENTO DA DOENÇA DE ALZHEIMER
  • PREVENÇÃO DA CARCINOGÊNESE
  • ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL
  • ATIVIDADE FÍSICA E ESTRESSE OXIDATIVO
  • IDOSOS E PRÁTICAS DE ATIVIDADE FÍSICA