Curso Online de Agricultura Organica

Curso Online de Agricultura Organica

Com este curso você verá o conceito, princípios e as práticas de manejo permitidas e utilizadas na agricultura orgânica, juntamente algu...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 6 horas

De: R$ 60,00 Por: R$ 40,00
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Com este curso você verá o conceito, princípios e as práticas de manejo permitidas e utilizadas na agricultura orgânica, juntamente alguns pontos principais da legislação nº 10831/2003 e Instrução Normativa 46/2011, para certificação, conversão de uma unidade convencional para orgânica, entre outros.

Empresa Brasileira de Ensino Técnico que fornece cursos em diversas áreas. Utilizando de uma linguagem clara e objetiva temos o intuito de facilitar o acesso ao conhecimento.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Agricultura Orgânica

  • Agricultura Orgânica - Definição

    Agricultura orgânica é o sistema de manejo sustentável da unidade de produção com enfoque sistêmico que privilegia a preservação ambiental, a agrobiodiversidade, os ciclos biogeoquímicos e a qualidade de vida humana.

    EMBRAPA, 2006

  • Agricultura Orgânica - Definição

    A definição de Agricultura Orgânica de acordo com a Lei nº 10.831, de 23 de dezembro de 2003:

    É um sistema em que se adotam técnicas específicas, mediante a otimização do uso dos recursos naturais e socioeconômicos disponíveis e o respeito à integridade cultural das comunidades rurais, tendo por objetivo a sustentabilidade econômica e ecológica, a maximização dos benefícios sociais, a minimização da dependência de energia não renovável, empregando, sempre que possível, métodos culturais, biológicos e mecânicos, em contraposição ao uso de materiais sintéticos, a eliminação do uso de organismos geneticamente modificados e radiações ionizantes, em qualquer fase do processo de produção, processamento, armazenamento, distribuição e comercialização e a proteção do meio ambiente.

  • A principal característica é a não utilização de agrotóxicos, adubos químicos ou substâncias sintéticas que agridem o meio ambiente. Para ser considerado orgânico, o processo produtivo contempla o uso responsável do solo, da água, do ar e dos demais recursos naturais, respeitando as relações sociais e culturais. O Brasil já ocupa posição de destaque na produção mundial de orgânicos.

    Agricultura Orgânica - Definição

    Qualidade de vida com proteção ao meio ambiente

    Objetivo da produção orgânica vegetal e animal

    MAPA

  • Agricultura Orgânica - Definição

    Não é permitido o uso de substâncias que coloquem em risco a saúde humana e o meio ambiente, não podendo ser utilizados fertilizantes sintéticos solúveis, agrotóxicos e transgênicos.

    Devido à vasta diversidade de tipos diferentes de solo, clima, cultural e uma grande biodiversidade das espécies em geral, o Brasil possui grande potencial para utilização da agricultura orgânica e obtenção desses produtos que ofereçam menos problemas à saúde humana e ambiental.

  • Agricultura Convencional x Agricultura Orgânica

  • De acordo com a Lei nº 10831/2003, a finalidade de um sistema de produção orgânico é:

    I – a oferta de produtos saudáveis isentos de contaminantes intencionais;
    II – a preservação da diversidade biológica dos ecossistemas naturais e a recomposição ou incremento da diversidade biológica dos ecossistemas modificados em que se insere o sistema de produção;
    III – incrementar a atividade biológica do solo;
    IV – promover um uso saudável do solo, da água e do ar, e reduzir ao mínimo todas as formas de contaminação desses elementos que possam resultar das práticas agrícolas;
    V – manter ou incrementar a fertilidade do solo a longo prazo;

    Finalidade de um sistema orgânico

  • De acordo com a Lei nº 10831/2003, a finalidade de um sistema de produção orgânico é:

    VI – a reciclagem de resíduos de origem orgânica, reduzindo ao mínimo o emprego de recursos não renováveis;
    VII – basear-se em recursos renováveis e em sistemas agrícolas organizados localmente;
    VIII – incentivar a integração entre os diferentes segmentos da cadeia produtiva e de consumo de produtos orgânicos e a regionalização da produção e comércio desses produtos;
    IX – manipular os produtos agrícolas com base no uso de métodos de elaboração cuidadosos, com o propósito de manter a integridade orgânica e as qualidades vitais do produto em todas as etapas.

    Finalidade de um sistema orgânico

  • Quando um produto é considerado orgânico?

    Um produto é considerado orgânico quando é obtido em um ambiente de produção orgânica, podendo ser ele in natura ou processado, onde se utiliza como base do processo produtivo os princípios agroecológicos e que respeite as relações sociais e culturais.

  • Quando um produto é considerado orgânico?

    De acordo com a Instrução Normativa 46/2011:

    Para que um produto receba a denominação de orgânico, deverá ser proveniente de um sistema de produção onde tenham sido aplicados os princípios e normas estabelecidos na regulamentação da produção orgânica, por um período variável de acordo com:

    I - a espécie cultivada ou manejada;
    II - a utilização anterior da unidade de produção;
    III - a situação ecológica atual;
    IV - a capacitação em produção orgânica dos agentes envolvidos no processo produtivo; e
    V - as análises e as avaliações das unidades de produção pelos respectivos OACs ou OCSs.

  • Período de conversão

    O período de conversão para que as unidades de produção possam ser consideradas orgânicas tem por objetivo:
    I - assegurar que as unidades de produção estejam aptas a produzir em conformidade com os regulamentos técnicos da produção orgânica, incluindo a capacitação dos produtores e trabalhadores; e
    II - garantir a implantação de um sistema de manejo orgânico por meio:
    a) da manutenção ou construção ecológica da vida e da fertilidade do solo;
    b) do estabelecimento do equilíbrio do agroecossistema; e
    c)da preservação da diversidade biológica dos ecossistemas naturais e modificados.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 40,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.