Curso Online de Circuitos Elétricos Industriais
4 estrelas 2 alunos avaliaram

Curso Online de Circuitos Elétricos Industriais

Este curso é uma recompilação de vários materiais existentes na internet, notas de aula e desenvolvimentos práticos feitos na empresa CCA...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 22 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 60 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Este curso é uma recompilação de vários materiais existentes na internet, notas de aula e
desenvolvimentos práticos feitos na empresa CCA MATERIAIS ELÉTRICOS LTDA. A idéia é apresentar,
de modo muito simples, como se trabalha com montagens com acionamento por contatores, projetos de
painéis, montagem física dos painéis e demais atividades relacionadas ao tema.

Trabalho a 10 anos na área de Informática Formação ? TI Técnico em Redes e Manutenção Administrador de Redes Certificações ? Cisco RS e CCNA Security


- José Nicolau Salgado Junior

- Tarcisio Antonio Di Bernardi Martins

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • SEGURAÇA

    SEGURAÇA

    Os bons projetos de painéis elétricos devem considerar, além do funcionamento perfeito, as
    condições de segurança. Quando se fala em segurança, deve-se considerar tanto a segurança do próprio
    projeto quanto a da operação do painel. Há uma norma do Ministério do Trabalho que trata do assunto
    “segurança em instalações elétricas”, trata-se da NR10. No site www.cca.ind.br há uma cópia original desta
    norma e também uma cópia comentada por especialistas no assunto. É sempre necessário deixar dentro do
    painel a documentação necessária para que outros técnicos possam fazer manutenções. Essa documentação
    inclui: esquemas, memorial descritivo, lista de peças e outros documentos que possam ser interessantes ao
    operador. De qualquer maneira algumas considerações importantes são as seguintes:

  • Segurança no projeto: devem-se considerar todas as possibilidades que as chaves, contatores, etc
    podem assumir. Fazer sempre intertravamentos entre partes que não podem estar acionadas
    simultaneamente. Uma questão fundamental é a análise da situação em que o circuito foi desligado devido a
    uma anormalidade (curto circuito, sobrecarga, falta de energia elétrica, etc). Nesta situação, quando a causa
    do desligamento for removida, o sistema não pode se auto ligar em hipótese alguma. Em qualquer situação
    de desligamento deve ser necessária a intervenção do operador para religar o sistema.

  • Segurança na operação: quando se fala em segurança na operação, entende-se todas as operações
    necessárias a própria operação e também a possibilidade de choques elétricos. Na questão de segurança nas
    operações deve-se considerar o acesso às chaves, botões etc. Este acesso deve ser fácil e estar o mais longe
    possível das partes energizadas de potência. Uma regra básica é a seguinte: toda a operação do painel deve
    ser externa e deve haver uma sinalização muito clara do estado em que o painel se encontra. O operador não
    deve ter necessidade de abrir a porta para efetuar nada. Dentro do painel deve haver indicações claras a
    respeito da voltagem, necessidade de cuidado, etc. para evitar que alguém faça alguma operação incorreta.
    Todas as partes energizadas devem ser protegidas por alguma tampa, que pode ser de acrílico, por exemplo.

  • Componente mecânico de acionamento de um equipamento. Exemplo: botão de comando, alavanca,
    chave fim de curso, etc.

  • Acionamento por corrente alternada (CA):

    Acionamento por corrente alternada (CA):

    Circuito de comando alimentado por corrente alternada. No Brasil, geralmente essa corrente
    alternada possui freqüência de 60 Hz.

  • Acionamento por corrente continua (CC):

    Acionamento por corrente continua (CC):

    Circuito de comando alimentado por corrente contínua.

  • Capacidade de Interrupção

    Capacidade de Interrupção

    Máxima corrente que um dispositivo de manobra ou proteção (contator, disjuntor, chave
    seccionadora, etc) pode interromper em condições definidas.

  • Categoria de Emprego

    Categoria de Emprego

    Classificação dos dispositivos de comando de cargas de acordo com as finalidades para as quais são
    previstos. Ver em www.cca.ind.br na área de downloads informativo técnico a esse respeito.

  • Curva de atuação dos disjuntores

    Curva de atuação dos disjuntores

    Curva que mostra a forma como os disjuntores atuam sob uma sobrecarga ou sob um curto circuito.
    Para os disjuntores DIN as curvas podem ser B, C ou D. Para os disjuntores caixa moldada existem curvas
    especiais de atuação. Ver em www.cca.ind.br na área de downloads informativo técnico a esse respeito.

  • Circuito auxiliar ou de comando

    Circuito auxiliar ou de comando

    Circuito por onde são acionados os dispositivos de manobra. Pode ser usado para fins de medição,
    comando, travamento e sinalização.

  • Circuito principal

    Circuito principal

    Circuito formado pelas partes mais importantes, incluindo os contatos principais, destinados a
    conduzir a corrente de operação.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • SEGURAÇA
  • Acionamento por corrente alternada (CA):
  • Acionamento por corrente continua (CC):
  • Capacidade de Interrupção
  • Categoria de Emprego
  • Curva de atuação dos disjuntores
  • Circuito auxiliar ou de comando
  • Circuito principal
  • Contato
  • Corrente de curto-circuito
  • Corrente nominal
  • Corrente de partida
  • Sobrecarga
  • ível de Isolamento
  • Partida lenta
  • Proteção do motor
  • Seletividade
  • Vida útil mecânica
  • MATERIAIS UTILIZADOS EM PAIÉIS ELÉTRICOS
  • Botões e chaves de comando
  • Chave fim de curso
  • Sinalizador
  • Disjuntor
  • Contator
  • Relé térmico
  • Disjuntor motor
  • Temporizador
  • Temporizador estrela triângulo
  • Blocos de contato auxiliares
  • SIMBOLOGIA
  • Contator
  • Relé térmico
  • Botoeiras e outros contatos
  • Forma de representação dos diagramas esquemáticos
  • MOTORES ELÉTRICOS
  • Motores monofásicos
  • Funcionamento e ligação
  • Esquema de ligação
  • Inversão da rotação de motores monofásicos
  • Inversão da rotação de motores monofásicos ligados em tensão maior
  • Inversão da rotação de motores monofásicos ligados em tensão menor
  • Motores trifásicos
  • CIRCUITOS PRÁTICOS DE UTILIZAÇÃO DE MOTORES TRIFÁSICOS
  • Chave de partida direta
  • Partida direta com terminais para instalação de bóia
  • Partida estrela triângulo
  • Inversão de rotação de motores trifásicos
  • Partida estrela triângulo com inversão de rotação
  • Partida compensada
  • Partida compensada com reversão de rotação
  • Partida automática para duas velocidades (Dahlander)
  • APLICAÇÕES PRÁTICAS COM MOTORES ELÉTRICOS
  • Chave para bomba d água monofásica
  • Chave para bomba d água trifásica
  • TALHA ELÉTRICA
  • PARTIDA DE MOTOR ELÉTRICO COM TIMER
  • PAIEL BRITADOR COM MOTOR DE DOZE POTAS
  • APÊDICES