Curso Online de Estrutura de Custos para pequenos e médios Empreendimentos
4 estrelas 9 alunos avaliaram

Curso Online de Estrutura de Custos para pequenos e médios Empreendimentos

Saiba como estruturar Custos, aproveitem a promoção antes das aulas, www.informativosbc.com.br

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

Por: R$ 32,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Saiba como estruturar Custos, aproveitem a promoção antes das aulas, www.informativosbc.com.br

Djalma Pinto P Neto Graduado em Engenharia Civil pela Escola de Engenharia do RJ - UGF (1985); Mestre em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Viçosa (MG) em 2004; Assistente Técnico da Procuradoria Geral do IBGE de 1981 a 1997; Professor e Consultor em Geotecnia, comportamento de Solos. Ex-Defesa Civil Nova Friburgo 2000-2010 Sócio do Cômite de Túneis do Brasil da ABMS


- José Leonardo Gomes Nogueira

- Thiago Dourado

- Luanda Dos Santos Costa

- David Rodrigues De Lima

- Mário Fernando Da Silva Rego

- Michelle Marcelino De Almeida

- Priscilla Goulart Almeida Barbara

- Deyvison Pereira Peixoto

- Monica Nery Pereira Santos

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • ESTRUTURA DE CUSTOS PARA MÉDIOS EMPREENDIMENTOS

    ESTRUTURA DE CUSTOS PARA MÉDIOS EMPREENDIMENTOS

    A Engenharia de Custos a seu favor.

    Prof. Djalma Pinto Pessôa Neto MSc

  • Aula 1- Introdução

    2

    Aula 1- Introdução

    Com o passar dos anos e principalmente no último ciclo desenvolvimentista que o país viveu na década de 70 e ate o inicio da década de 80 do século passado, a gestão de custos nos empreendimentos, obras, construções e serviços de engenharia foi apresentada de maneira simples e não rigorosa.

    Vamos então estudar alguns conceitos e parâmetros nesta área de atuação. O objetivo geral deste curso é definir conceitos e parâmetros nas estimativas, planejamentos e análises de custos de projetos de engenharia e arquitetura, e apresentar métodos eficazes para seus gerenciamentos.

    Não que não tivéssemos uma tradição bem fundamentada em técnicas de orçamentos, mas sim por entraves, como que, por exemplo: não havia a exigência de projeto básico em licitações publicas. Também os projetos de pequeno e médio porte, especialmente os da construção civil, não possuíam adequação aos procedimentos e métodos da engenharia de custos.

  • Engenheiro Civil Djalma P Pessoa Neto Msc. Direitos Autorais Reservados

    3

    Prédio do IBGE no Rio de Janeiro

  • 4

    Cont. Aula 1

    Mesmo empreendimentos de médio e pequeno porte devem ser apresentados de forma clara e concisa numa linguagem técnicamente adequada, onde o contratante, gestor ou proprietário de obras e serviços de engenharia e arquitetura, harmonizam seus projetos às demandas objetivas.

    No gerenciamento de custos a viabilidade executiva e ferramenta fundamental na apreciação e implementação de empreendimentos na construção civil e obras de engenharia. A viabilidade executiva envolve aspectos técnicos, econômicos e financeiros.

    Visando a qualidade e competitividade dos serviços e empreendimentos de engenharia, e para atender as práticas licitatórias e contratuais reguladas pelas leis vigentes (Lei de Licitações e Código de Defesa do Consumidor, por exemplo), espero dar a você uma boa noção da engenharia de custos na viabilidade executiva de empreendimentos.

  • Aula 2- Contratos por Licitações

    5

    Aula 2- Contratos por Licitações

    As licitações publicas contratadas para obras e serviços de engenharia obedecem a Lei 8666/93. Em todas as modalidades previstas pela lei: carta-convite, tomada de preços e concorrência, existem limites de valores que são atualizados na moeda corrente nacional.

    As estimativas iniciais de ordem de grandeza e posteriormente as definidas, é que vão determinar o enquadramento na modalidade de licitação, de acordo com o valor estimado.

    A lei de licitações prevê que a todo o processo licitatorio, dar-se início com um projeto básico, apresentado pelo órgão contratante. O projeto básico é fruto de estudos de alternativas para a solução de engenharia.

    Atualmente os valores são aproximadamente:
    -Carta-convite: até R$150.000,00
    -Tomada de Preços: Entre R$150.000,00 a R$1.500.000,00
    -Concorrência publica: Acima R$1.500.000,00

  • 6

    Cont. Aula 2

    É bom frisar que a seqüência de estudos e estimativas é que vão viabilizar ou não as soluções propostas, não esquecendo que a técnica ou tecnologia, o enfoque econômico e os recursos disponíveis, é que vão adequar o projeto básico e suas especificações.

    Que tal você ver alguns tópicos sobre o assunto:
    1) Lei 8666/93: http://www6.senado.gov.br/legislacao/ListaPublicacoes.action?id=102446
    2) Aula em áudio sobre licitações: Baixe a pasta licitações. http://rapidshare.com/files/27859608/lei_8666_marcos_de_araujo.zip.html
    3) Artigo do Ex-Presidente do Instituto de Engenharia: Risco a sociedade:
    . http://www.ie.org.br/site/noticia.php?id_sessao=5&id_noticia=204

    Os recursos disponíveis é que vão definir se as soluções de engenharia encontradas vão possibilitar que as obras e serviços, sejam executados de forma econômica, visando os resultados esperados.

  • Aula 3 - Do Layout ao Projeto detalhado

    Aula 3 - Do Layout ao Projeto detalhado

    7

    Vamos fazer uma pequena revisão da aula anterior?

  • 8

    Cont. Aula 3

    Verificamos que após estudos e estimativas, adequaremos o projeto a realidade financeira disponível. Podendo ai de fato definir um projeto entendido como básico.

    A de ordem de grandeza é ideal para estudos em nível de anteprojeto, a definida para uma fase de contratação ou acompanhamento (quando estiver definido o projeto basico), e a firme para níveis máximos de detalhamento e conclusões.

    A estimativa de ordem de grandeza, a estimativa definida ou básica e a estimativa firme, são básicas, pois enfocam fases críticas no desenvolvimento de construções.

    Conceitos e Parâmetros da Engenharia de Custos.

    Os estudos de custos têm níveis diferentes, de acordo com a etapa do projeto, empreendimento ou análise.

  • 9

    Cont. Aula 3

    Parâmetros de Estimativas

    Após longa pesquisa e críticas em uma infinidade de trabalhos realizados em projetos estimados, orçados e executados, criei uma Tabela de Informações Necessárias para Estimativas de Custos. Clique no título, logo abaixo, para acessá-la.

    Tabela de Níveis de Estimativa
    Com os dados indicados na Tabela de Níveis de Estimativa, teremos um enquadramento dentro do grau de precisão.

  • Aula 4 - Estimativas de Custos e Orçamentos

    10

    Aula 4 - Estimativas de Custos e Orçamentos

    Você aprendeu na aula anterior que existem os graus de precisão das estimativas:

    O grau de precisão de ordem de grandeza varia percentualmente entre
    20% a + 40% com relação aos valores apresentados no orçamento para execução, ou executivo.

    O grau de precisão firme varia percentualmente entre -5% a +7% com relação aos valores apresentados no orçamento para execução, ou executivo.

    - O grau de precisão definido ou básico varia percentualmente entre -15% a +15% com relação aos valores apresentados no orçamento para execução, ou executivo, de acordo com as novas orientações do ICEC (2011).

  • 11

    Cont. Aula 4

    Vou explicar agora a Tipificação das Estimativas.

    Estimativa Firme

    A firme é usada para níveis máximos de detalhamento e conclusões.
    A estimativa firme é elaborada durante o andamento do empreendimento, e necessita para sua confecção, desde especificações detalhadas até cronogramas definidos.

    Estimativa Definida ou Básica

    A definida ou básica pode ser usada para uma fase de contratação, decisão ou acompanhamento.

    Estimativa de Ordem de Grandeza

    A de ordem de grandeza é ideal para estudos em nível de anteprojeto, podendo indicar também viabilidade.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 32,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • ESTRUTURA DE CUSTOS PARA MÉDIOS EMPREENDIMENTOS
  • Aula 1- Introdução
  • Aula 2- Contratos por Licitações
  • Aula 3 - Do Layout ao Projeto detalhado
  • Aula 4 - Estimativas de Custos e Orçamentos
  • Gerenciamento de Custos
  • Item 5 ? Desenvolvimento do Empreendimento
  • Aula 6 ? Índices de Desempenho e Índices de Custos
  • Aula 6 ? Índices de Desempenho ? Parte 2
  • Aula 7 - Revisão no orçamento, gerenciamento do contrato e fiscalização.
  • Aula 8 ? A importância da discriminação orçamentária
  • Aula 9 ?Composições de Custo - BDI e Viabilidade Executiva, um Caso Real
  • Caso Real II-Edificação Comercial de 5 pavimentos em BH
  • Caso Real II
  • Ordem De Grandeza de Bonificação e Custos Indiretos
  • Aula 10 ? Planilhas Eletrônicas Orçamentárias
  • Aula 11 ? Conclusões
  • Aula 11-Conclusões
  • Aula 12 ? Bibliografia, www.ibec.com.br ou www.ibec.gov.br