Curso Online de Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico -  Módulo 03
5 estrelas 5 alunos avaliaram

Curso Online de Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico - Módulo 03

*Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico - Módulo 03; *Os padrões de Colisão - Lateral; *Os padrões de Colisão - Capotamento...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

De: R$ 80,00 Por: R$ 49,90
(Pagamento único)

Mais de 70 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

*Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico - Módulo 03;
*Os padrões de Colisão - Lateral;
*Os padrões de Colisão - Capotamento;
*Os padrões de Colisão - Guilhotina;
*Gerenciamento de Riscos;
*Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular;
*Análise de Riscos Potencial - Risco Potencial;
*Análise de Riscos Potencial - Ameaça e Vulnerabilidade;
*Análise de Riscos Potencial - Risco Aceitável e Operação Segura;
*Principais Ameaças;
*GARANTINDO A PRÓPRIA SEGURANÇA;
*Fatores Humanos no Gerenciamento de Riscos;
*EPI- Equipamento de Proteção Individual;
*EPI- Equipamento de Proteção Individual - Capacete;
*EPI- Equipamento de Proteção Individual - Luvas de Segurança;
*EPI- Equipamento de Proteção Individual - Calçados de Segurança ou Botas;
*EPI- Equipamento de Proteção Individual - Roupas de Proteção;
*Avaliação da Cena do Acidente;
*Método de Dois Círculos de Avaliação;
*Método- Circulo Externo;
*Método de Triagem Start - Circulo Externo;
*Método- Circulo Externo;
*Método- Círculo Interno;
*Basicamente os dois Resgatista devem Preocupar-se em Observar Alguns Pontos;
*Sinalização do Local do Acidente;

Minas Especializações; *Graduando em Gestão Ambiental, *Técnico em Segurança do Trabalho Reg.MTE nº 25.482/MG; *Bombeiro Profissional Civil - Nível 2 -ABNT/NBR 14.276; *NR 33 Supervisor de Entrada em Espaço Confinado; *Instrutor de Curso de Operador de Empilhadeiras; *Coordenador de Brigada de Emergência; E-mail: tecsegtrab.aguiar@hotmail.com.br ou tecsegtrab.aguiar@gmail.com - Siga no Blog: http://aguiarsst.blogspot.com/ Cursos Complementares: *Política Nacional de Gerenciamento de Resíduos Sólidos - PNGRS; * OHSAS 18000:2007 - Sistema de Gestão de saúde e Segurança Ocupacional; *Brigadista de Incêndio; * TPM - Total Perfeição da Manufatura; *NR 10 - Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade; *Curso de Operador de Empilhadeiras -SEST/SENAT; *MOPP - Movimentação e Operação de Produtos Perigosos; *Curso de Auto Controle (Qualidade) - SENAI; *Legislação Trabalhista - SENAI; *Educação Ambiental -SENAI; *Saúde e Segurança Rural - SENAR; * PPRA, PCMAT, PPP,CIPA, SIPAT, LTCAT, FMEA, PAE, PGR. *NR 12 Segurança de Máquinas e Equipamentos;


- Ubiratan Rolemberg De Souza

- Vitor Antonio

- Eliana De Sousa Aguiar

- Pedro Henrique

- Izaias De Souza Aguiar

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico Módulo 03

    Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico Módulo 03

    Izaias de Souza Aguiar

  • Os padrões de Colisão - Lateral

    Os padrões de Colisão - Lateral

    Danos no Veículo: Amassamento do ponto de impacto, com poucos danos estruturais uma vez que o veículo normalmente é projetado, dissipando a energia.

    Lesões Prováveis: Primariamente lesão de coluna, principalmente cervical, e secundariamente traumatismos cranioencefálicos.

    Aguiarsst.blogspot.com.br

  • Os padrões de Colisão - Lateral

    Os padrões de Colisão - Lateral

    Impacto no Centro de Gravidade do Veiculo (T- bone): quando o veículo é atingido na parte central de uma de suas laterais, mais ou menos na altura das portas, sofrendo um forte colapsamento estrutural.

    Mecanismo de Lesão: O mecanismo de lesão se dá principalmente pelo contato direto da lataria que invade o habitáculo e o corpo dos ocupantes.

    TST - Izaias de Souza Aguiar

  • Os padrões de Colisão - Lateral

    Os padrões de Colisão - Lateral

    Danos no Veículo: Amassamento da lateral do veículo, incluindo o trancamento das portas do lado atingido, diminuição da altura do teto, deslocamento dos assentos e rebaixamento do painel.

    É muito importante observar o grau de instrusão do obstáculo, ou seja, quanto do espaço dos ocupantes está preenchido pela lataria amassada.

    Aguiarsst.blogspot.com.br

  • Os padrões de Colisão - Lateral

    Os padrões de Colisão - Lateral

    Lesões Prováveis: Primariamente lesões em todo o corpo do lado do impacto, destacando-se traumatismo craniano, fratura de fêmur e pélvis, lesões de tórax (pneumotórax e hemotórax), lesão de braço/antebraço e de escápula.

    Secundariamente lesões mais leves no lado oposto ao impacto.

    TST - Izaias de Souza Aguiar

  • Os padrões de Colisão - Capotamento

    Os padrões de Colisão - Capotamento

    Capotamento:

    No capotamento, o veículo pode sofrer diferentes impactos de diferentes direções e ângulos, o mesmo ocorrendo com os ocupantes.

    Por isso, é difícil prever qual o padrão de lesões apresentado por estas vítimas embora possamos associar, como em outros tipos de acidentes, que as vítimas serão normalmente atingidas na mesma área que o veículo.

    Aguiarsst.blogspot.com.br

  • Os padrões de Colisão - Guilhotina

    Os padrões de Colisão - Guilhotina

    Guilhotina:

    Quando um automóvel colide contra a traseira de um caminhão ou de um ônibus que não tem um para-choque confiável, o mesmo penetra sob a carroceria ou chassis do veículo maior.

    TST - Izaias de Souza Aguiar

  • Os padrões de Colisão - Guilhotina

    Os padrões de Colisão - Guilhotina

    A carroceria ou chassis penetra no habitáculo do automóvel, atingindo seus ocupantes na altura da cabeça ou do peito, e provocando uma alta taxa de mortalidade.

    Frequentemente os passageiros do automóvel são decapitados, resultado do terrível efeito guilhotina.

    Aguiarsst.blogspot.com.br

  • Gerenciamento de Riscos

    Gerenciamento de Riscos

    Izaias de Souza Aguiar

  • Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular

    Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular

    As ameaças na cena do acidente podem variar de transtornos menores como vidros quebrados, asfalto escorregadio, tempo inclemente ou escuridão, a ameaça graves para a segurança como: fios caídos, vazamento de combustível, ou incêndio.

    TST - Izaias de Souza Aguiar

  • Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular

    Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular

    O tráfego e os curiosos podem vir a serem ameaças, se não forem controlados.

    Alguns riscos relacionados com acidentes precisam ser gerenciados, se não eliminados antes de tentar fazer qualquer tentativa de alcançar as vítimas no interior do veículo acidentado.

    Aguiarsst.blogspot.com.br


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 49,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • *Treinamento de Resgate Veicular e Automobilístico - Módulo 03;
  • *Os padrões de Colisão - Lateral;
  • *Os padrões de Colisão - Capotamento;
  • *Os padrões de Colisão - Guilhotina;
  • *Gerenciamento de Riscos;
  • *Gerenciamento de Riscos em Operações de Resgate Veicular;
  • *Análise de Riscos Potencial - Risco Potencial;
  • *Análise de Riscos Potencial - Ameaça e Vulnerabilidade;
  • *Análise de Riscos Potencial - Risco Aceitável e Operação Segura;
  • *Principais Ameaças;
  • *GARANTINDO A PRÓPRIA SEGURANÇA;
  • *Fatores Humanos no Gerenciamento de Riscos;
  • *EPI- Equipamento de Proteção Individual;
  • *EPI- Equipamento de Proteção Individual - Capacete;
  • *EPI- Equipamento de Proteção Individual - Luvas de Segurança;
  • *EPI- Equipamento de Proteção Individual - Calçados de Segurança ou Botas;
  • *EPI- Equipamento de Proteção Individual - Roupas de Proteção;
  • *Avaliação da Cena do Acidente;
  • *Método de Dois Círculos de Avaliação;
  • *Método- Circulo Externo;
  • *Método de Triagem Start - Circulo Externo;
  • *Método- Circulo Externo;
  • *Método- Círculo Interno;
  • *Basicamente os dois Resgatista devem Preocupar-se em Observar Alguns Pontos;
  • *Sinalização do Local do Acidente;
  • Izaias de Souza Aguiar - Técnico de Segurança do Trabalho - Reg.MTE n° 25.482/MG