Curso Online de Cuidador de Idosos
5 estrelas 6 alunos avaliaram

Curso Online de Cuidador de Idosos

O curso tem por objetivo ensinar ao cuidador: Ajudar nas atividades da vida diária; administrar medicamentos por via oral prescritos pelo...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 26 horas

Por: R$ 49,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O curso tem por objetivo ensinar ao cuidador: Ajudar nas atividades da vida diária; administrar medicamentos por via oral prescritos pelo especialista; auxiliar na deambulação e mobilidade; cuidados com a organização do ambiente protetor e seguro, acesso a dispositivos de ajuda ( equipamentos ) para a atenção ao idoso; propiciar conforto físico e psíquico; estimular o relacionamento e contato com a realidade e levar o idoso a participar de atividades recreativas e sociais. Conferir sinais vitais, reconhecer sinais de alterações (alerta) e prestar socorro em situações de urgência (os primeiros).

Envelhecimento é um processo sequencial, individual, acumulativo, irreversível, universal, não patológico, de deterioração de um organismo maduro, próprio a todos os membros de uma espécie, de maneira que o tempo o torne menos capaz de fazer frente ao stress do meio-ambiente e, portanto, aumente sua possibilidade de morte.

Nossos cursos são elaborados por grandes profissionais e feitos com dedicação, temos intuito de propagar o conhecimento de uma forma fácil e eficiente, sem complicação, visando principalmente a qualidade de nossos cursos e a satisfação de nosso alunos e cursistas.


- Lesme Dariel Masso Cisneros

- Marisa Meira De Paulo

- Nilton Rosa De Lima

- Catiana Soares

- Cleide De Jesus Bezerra

- Aline Pereira Andrade

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Capacitação em Cuidador de Idosos

    Capacitação em Cuidador de Idosos

    Cuidados na Terceira Idade

    Prof. Enf. Adriane das Neves Silva
    adrianeneves@bol.com.br

  • Introdução

    17/3/2015

    2

    Introdução

    No processo de envelhecimento, apesar de controvérsias quanto à sua natureza e dinâmica, pode-se aceitar que é caracterizado como uma condição progressiva e irreversível, no qual interagem múltiplos fatores psíquicos, biológicos e sociais.
    A longevidade do ser humano está aumentando e em nosso país ela esbarra nos diversos problemas sociais.
    O estimulo à autonomia e independência devem ser os principais objetivos dos profissionais de saúde envolvidos com a atenção à saúde do idoso.

  • Objetivo da Capacitação

    17/3/2015

    3

    Objetivo da Capacitação

    Levar o profissional a conhecer todo o universo da assistência ao idoso, bem como capacitá-lo na prestação de cuidados a população idosa.

  • O Processo de Envelhecimento

    17/3/2015

    4

    O Processo de Envelhecimento

  • O Processo de Envelhecimento

    17/3/2015

    5

    O Processo de Envelhecimento

    Processo inelutável caracterizado por um conjunto complexo de fatores fisiológicos, psicológicos e sociais específicos de cada individuo.
    Papaleo Netto apud Figueiredo et al.(2006). Envelhecimento é um processo dinâmico e progressivo, com modificações morfológicas, funcionais, bioquímicas e psicológicas que determinam perda da capacidade de adaptação do indivíduo ao meio ambiente ocasionando maior vulnerabilidade e maior tendência de processos patológicos que terminam por levá-lo à morte. O envelhecimento é um processo de diminuição progressiva de habilidades motoras, sensitivas e de conhecimento. Isto pode levar a:
    - apego aos próprios valores;
    - dificuldade de aceitar no novo;
    - supervalorização da própria história de vida;
    - conflitos com a realidade atual.

  • Teorias do Envelhecimento

    17/3/2015

    6

    Teorias do Envelhecimento

    1. Teorias Biológicas

    buscam determinantes ou marcadores dessa fase da vida. As principais teorias biológicas postuladas são: imunológica, genética, erro da síntese protéica, uso e desgaste, radicais livres e neuroendócrina.

    1. Teoria Imunológica: transformações imunológicas resultantes do envelhecimento resultariam de anticorpos que atacariam as células sãs do organismo.
    Defende que as reduções qualitativas e quantitativas nas respostas do sistema imunológico seriam, em parte, direta ou indiretamente causadas pela involução inicial e pelo involução inicial e pelo envelhecimento do timo e da medula óssea.

  • 17/3/2015

    7

    Teorias do Envelhecimento

    (Teorias Biológicas)

    2. Teoria do Uso e Desgaste: O organismo humano comporta-se como uma máquina, cujas partes deterioram-se com o uso. Este desgaste provocaria anomalias para os seus mecanismos.

    3. Teoria dos radicais livres: postulam a falência progressiva das células com funções integradoras entre o organismo e o sistema nervoso, levando ao colapso da homeostasia corporal, à senescência e à morte.

  • 17/3/2015

    8

    Teorias do Envelhecimento

    2. Teorias Psicológicas

    Englobam todos os estudos sobre gerontologia social com o objetivo de explicar o fenômeno do envelhecimento e sua influencia sobre fatores culturais, psicológicos, históricos, existenciais, sociais e/ou até mesmo por um sistema integrativo de fatores.

    Paradigma da mudança ordenada

    a.Teoria do desenvolvimento ou continuidade
    Reflete seu contato com a psicanálise de Freud, suas experiências clínicas e pessoais. Jung apud Figueiredo (2006) dividiu a vida humana em duas metades e quatro idades (infância, vida adulta, meia-idade e velhice).

  • 17/3/2015

    9

    Teorias do Envelhecimento

    Teorias Psicológicas

    Teoria do desenvolvimento ou continuidade

  • 17/3/2015

    10

    Teorias do Envelhecimento

    b. As oito idades do ser humano (Erik Erikson)

    Erik considerou a vida humana em toda a sua extensão e constitui proposições de que as influencias socioculturais contextualizavam a manifestação e a resolução das crises evolutivas do ciclo da vida.
    A maturidade era vista como a conquista do apogeu profissional e a tendência a passar o bastão para a geração seguinte; e a velhice, como o processo de auto-aceitação, o desenvolvimento de integridade da história pessoal e formação de um ponto de vista sobre a morte.

    Teorias Psicológicas - Paradigma da mudança ordenada

  • 17/3/2015

    11

    Teorias do Envelhecimento

    Teorias Psicológicas - Paradigma da mudança ordenada

    As oito idades do ser humano (Erik Erikson)


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 49,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Capacitação em Cuidador de Idosos
  • Introdução
  • Objetivo da Capacitação
  • O Processo de Envelhecimento
  • Teorias do Envelhecimento
  • Fisiologia do Envelhecimento
  • Mudanças biológicas
  • Sistema Ósseo
  • Sistema Articular
  • Sistema Muscular
  • Sistema Cardiocirculatório
  • Sistema Respiratório
  • Sistema Nervoso
  • Sistema Digestório
  • Sistema Urinário
  • Sistema Genital
  • Fundamentação Legal
  • Política Nacional do Idoso (Lei nº. 8.842/1994) regulamentada pelo Decreto 1.948 de 03/07/1994
  • Portaria nº 73, de 2001
  • Estatuto do Idoso (Lei nº. 10.741/2003)
  • Lei nº 11819 DE 12/2003
  • Resolução - RDC Nº 283, DE 26 09/2005
  • Estatuto do Idoso
  • TÍTULO I Disposições Preliminares
  • CAPÍTULO I Do Direito à Vida
  • TÍTULO II Dos Direitos Fundamentais
  • TÍTULO III Das Medidas de Proteção
  • TÍTULO IV Da Política de Atendimento ao Idoso
  • CAPÍTULO VI Da Apuração Judicial de Irregularidades em Entidade de Atendimento
  • TÍTULO V Do Acesso à Justiça
  • O paciente Geriátrico
  • O Cuidador
  • Portaria nº 5153 / 1999
  • Quem é o Cuidador
  • O cuidador e a pessoa cuidada
  • Funções do Cuidador Domiciliar
  • Competências do Cuidador
  • O Cuidado
  • CUIDANDO DO CUIDADOR
  • Cuidando do Cuidador
  • Patologias Geriátricas
  • Neurológico
  • Demência
  • Doença de Alzheimer
  • Doença de Parkinson
  • Doenças Crônicas
  • Humanização no Atendimento à Pessoa Idosa
  • Humanização no Atendimento à Pessoa Idosa
  • Cuidados no domicílio para pessoas acamadas ou com limitações físicas
  • Osteoporose Risco de quedas e fraturas
  • A Nutrição do Idoso
  • Aspectos nutricionais no envelhecimento
  • O uso de medicamentos
  • Maus-tratos ao idoso
  • Cuidados ao Paciente Idoso Terminal
  • Abordagem de finitude (morte)
  • O profissional de Saúde diante da morte
  • Cadernos de Atenção a Saúde do Idoso
  • Idosos ou Velhos?
  • “Já que não é possível fugir à verdade, tentemos então olhá-la de frente”. Simone de Beauvoir